Taxa de juro de um dígito e em queda. Esta sem dúvida é a melhor notícia que o brasileiro poderia ter em meio a tantas incertezas que rondam o país.

Taxa de juro é o principal preço da economia. Em alta e de dois dígitos ela asfixia a economia, rouba empregos e oportunidades. E para os que estão na ponta devedora transforma sonhos em pesadelos cruéis.

Mas para o brasileiro que estava na outra ponta, ou seja, de credor, a vida parecia boa. O investidor em renda fixa não precisou fazer muito esforço para ganhar um bom dinheiro com juros.

Não faz muito tempo, quando a taxa básica da economia estava ao redor dos 14% ao ano, eram necessários pouco mais de 5 anos para o investidor dobrar seu capital apenas com aplicações em renda fixa. Hoje, com a taxa básica a 6,5%, são necessários mais de 11 anos para dobrar o capital.

Juro baixo

Mas o rendimento alto, seguro e fácil provavelmente ficará no passado. Se quiser aumentar o retorno de sua carteira o brasileiro terá que correr riscos. A boa notícia é que os problemas brasileiros se traduzem em verdadeiras oportunidades para o investidor com uma perspectiva de ganhos saborosos e risco sob controle.

A taxa de juro baixa deve se refletir num impulso maior para o mercado de capitais. E atenção, não estamos falando apenas de ações . Mesmo na renda fixa haverá cada vez mais oportunidades de ganhos atraentes com títulos que vão financiar investimentos importantes do País. Debêntures, LCA e LCI são apenas alguns exemplos.

Para conseguir aproveitar essas oportunidades, contudo, será fundamental que você busque informações. Caso contrário você engrossará aquela fila de investidores que só chega quando o investimento está caro demais. Ou seja, virou moda, euforia.

Qual o melhor investimento?

Lembre-se sempre que o melhor investimento não é o que está na moda. Mas fundamentalmente aquele que você compra barato e vende caro.

A taxa de juro alta pode proporcionar ganhos altos no curto prazo. Mas no médio e longo prazo são as taxas baixas que vão proporcionar os maiores ganhos, porque elas sinalizam que a economia começa a entrar em ordem.

E em países emergentes, como é o caso brasileiro, inflação controlada e taxas de juro baixas significam um mar de oportunidades para todos, principalmente investidores. Agora é com você.

 

* Mara Luquet é a idealizadora do MyNews, primeiro canal de jornalismo feito exclusivamente para o YouTube com patrocínio da GENIAL. Mara é jornalista especialista em economia e investimentos. Tem passagens pelos jornais Valor Econômico e Folha de S. Paulo, além de ter sido colunista da CBN e comentarista de jornais da Globo e GloboNews. Apresenta o programa “Economia é Genial” todas as quintas-feiras no canal MyNews, às 20h30.

Escreve todas as quartas-feiras para o blog GENIAL. Este artigo reflete as opiniões de seu autor, não necessariamente as da Genial Investimentos.

Idealizadora do MyNews, primeiro canal de jornalismo feito exclusivamente para o YouTube, Mara é jornalista especialista em economia e investimentos. Tem passagens pelos jornais Valor Econômico, Folha de S. Paulo e revista Veja, além de ter sido colunista da CBN e comentarista de jornais da Globo e GloboNews. Apresenta o programa “Economia é Genial” todas as quintas-feiras no canal MyNews, às 20h30.

Comentários

  • Muito bom este post!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *