Conceitualmente, os investimentos offshore podem ser traduzidos, de forma literal, como investimentos “afastado da costa”. Mas, em bom português, chamamos de investimentos offshore aqueles que são realizados em um país estrangeiro por meio de  contas bancárias, ativos financeiros, como ações e fundos de investimento, e apostas na variação cambial, por exemplo.

Segundo o especialista Felipe Chad, sócio da Genial Hub, braço de planejamento financeiro da Genial Investimentos, aproximadamente 1% do patrimônio dos investidores brasileiros está fora do Brasil. Em outros países vizinhos da América do Sul, como o Chile, esse percentual pode chegar a 6%. Portanto, os investimentos no exterior andam a passos lentos por aqui, mas, por outro lado, há um mercado gigantesco a se explorar.

“Há um potencial enorme de diversificação de investimentos no exterior com a desbancarização. Os brasileiros vão tirar cada vez mais dinheiro dos bancos e usar em plataformas de investimento e corretoras com benefícios atraentes. Com isso, a demanda desses clientes vai ser de sofisticação e isso requer em vários casos a diversificação patrimonial em outras moedas e outros países”, afirma Chad.

Enquanto aqui no Brasil há uma disponibilidade mais limitada no mercado de fundos de investimento offshore, ou seja, gestores que administram o seu dinheiro com aplicações no exterior, nos Estados Unidos, por exemplo, há mais de 10 mil fundos para investir.

Como investir em ativos estrangeiros?

São tantas opções para analisar que se o investidor não tiver tanto conhecimento ficará paralisado. Por isso, recomenda-se procurar um banco ou uma corretora que ofereça esses serviços. É importante ressaltar que investindo no Brasil, em todas as operações, além do risco habitual há o risco do câmbio, que pode tanto valorizar quando desvalorizar a moeda.

E o investidor tem que colocar na balança qual investimento se adequa ao momento do câmbio na hora de desembolsar o dinheiro. Basta abrir uma conta em uma dessas empresas e garantir o melhor investimento no exterior que atenda suas expectativas.

Para os médios e grandes investidores, é possível e recomendável abrir uma conta em uma instituição no país escolhido e realizar as operações de forma direta para diminuir o risco cambial. No entanto, esse tipo de operação é menos acessível, partindo de, aproximadamente, US$ 100 mil.

Abra sua conta - CTA

Vale a pena investir fora do país?

Se você está planejando estudar ou morar fora algum dia, saiba que os investimentos offshore são uma grande porta de entrada no país e que isso pode te ajudar a ter menos dor de cabeça. Seja para fazer um doutorado, começar a guardar dinheiro para a faculdade ou intercâmbio do filho, se você está pensando em uma vida lá fora a melhor forma de se planejar é ter dinheiro no país escolhido. Certifique-se que esse país tenha uma moeda forte, onde o seu dinheiro, poupado no suor, não irá desvalorizar.  

Para quem já investe, os investimentos offshore são muito indicados para diversificação. Mas o que isso significa? Significa que para investir, sobretudo no mercado offshore, o recomendável é o equilíbrio e distribuição dos investimentos para diminuir os riscos de cada investimento. Por isso, você não precisa ficar preso aos ativos do Brasil, pois aplicar no exterior é um importante passo para a diversificação. E não é preciso de muito dinheiro para isso.

Quais as principais formas de investir?

Fundos de investimento

Investir no exterior, antigamente, era só para quem tinha disponível milhões na conta. A partir da maior popularização dos fundos de investimento, é possível ter aplicações expostas em ativos estrangeiros. Assim como os fundos de renda fixa, há no mercado os fundos de ações, que costumam aplicar acima 40% do patrimônio líquido em produtos de outros países. O resto é diversificado.

Nesse caso, o dinheiro é aplicado pelos gestores, que administram os fundos, decidindo para onde vai a sua quantia. Esses gestores escolhem um conjunto de ações nas bolsas de valores estrangeiras. Existe no mercado, fundos no qual é possível aplicar a partir de R$ 1 mil, valor considerado acessível pelo mercado.

ETFs

Esse tipo de investimento, que significa Exchange Traded Funds (ETFs), chamados de fundos de índices, podem ser vendidos como ações na Bolsa.

O ETF é, basicamente, uma cesta de diferentes ativos que seguem um indicador econômico como referência. O exemplo mais comum de um ETF é o que é baseado no S&P500, índice que reúne as ações das 500 principais empresas dos Estados Unidos.

Com isso, você está exposto ao desempenho conjunto de empresas renomadas do mundo inteiro e ainda tem a chance de diversificar a carteira sem a necessidade de escolher qual ação seria melhor.

BDRs

Como investir diretamente em ações de empresas demanda maior conhecimento por parte do investidor e, dependendo da empresa, maiores quantias, a B3 – Bolsa de Valores oficial do Brasil desenvolveu os BDRs, também chamados de Certificados de Depósito de Valores Mobiliários.

A emissão dos BDRs é feita por alguma instituição financeira e, por isso, a ação é comprada pelo investidor de forma indireta. A empresa que emite é a compradora da ação e a variação do lastro do papel é repassada para o investidor. Tudo pode ser feito por meio de uma corretora.

Investimentos Offshore na prática

Os investimentos offshore, portanto, não são ativos de grande complexidade, como muitas pessoas pensam. Como vimos, há formas mais simples de investir e há outros jeitos mais complexos. Mas, basicamente, investir fora do país pode ser bom se você quer operar em outra moeda ou mesmo lucrar e apostar na valorização ou desvalorização cambial.

Na Genial Investimentos, você pode encontrar diversas formas de investimentos offshore. Com a ajuda de especialistas, direto do escritório de Miami, seu dinheiro poderá ser gerido ou transferido para um ativo que renderá muito mais em outra moeda. Então não perca essa chance de diversificar no exterior. Abra sua conta na Genial! É grátis!

Abra sua conta - CTA

Genial

Genial

A Genial é a plataforma de investimentos que está democratizando o acesso aos melhores produtos do mercado, de forma simples, ágil e eficiente, através de uma assessoria financeira isenta, transparente e qualificada.

Deixar um comentário