Com saldo positivo nos primeiros quatro meses de 2020, as ações do Magazine Luiza (MGLU3) seguem resilientes em meio às incertezas econômicas que afligem o mundo diante da Covid-19. Por isso, podem ser uma alternativa ao investidor em busca de ganhos e diversificação da carteira de investimentos. Entre 1º de janeiro e 12 de abril deste ano, a rentabilidade do ativo foi de 14,97%.

No acumulado dos últimos doze meses, a valorização do MGLU3 ficou acima dos 144% e, desde seu IPO, em 29 de abril de 2011, os ganhos considerados os rendimentos superam 2.800%.

Se você cogita incluir ações do Magalu em seu portfólio, sugiro que leia este post até o fim. Nele vamos falar sobre quais fatores sustentam o desempenho desse papel e as perspectivas dos segmentos de atuação do Magazine Luiza.

Comparativo MGLU3 x IBOVESPA
MGLU vs. IBOV – Variação após o IPO, ajustada por proventos (ref. 12 maio/20)

Histórico do Magazine Luiza

A empresa criada em 1957 em Franca, interior de São Paulo, possui atualmente mais de 1.000 lojas físicas em 18 estados brasileiros, 30 mil funcionários e 12 centros de distribuição. No varejo, o Magazine Luiza foi um dos pioneiros na integração dos canais de compra ao consumidor (omnichannel), redefinindo seu modelo de negócios para “uma plataforma digital com pontos físicos e calor humano”. Segundo dados do Magazine Luiza, seu marketplace de 15 mil vendedores é formado, principalmente, por pequenos varejistas.

Em 2014, o Magazine Luiza criou o Luiza Labs, laboratório de desenvolvimento e inovação da empresa focado na experiência do cliente por meio de tecnologias disruptivas. Outros elementos que compõem o modelo de negócios da companhia são: a forte cultura organizacional, focada na valorização das pessoas, e o engajamento da empresa em pautas sociais. Em 2019, por exemplo, o app do e-commerce da empresa adicionou em seu menu a funcionalidade de denúncia para mulheres vítimas de violência doméstica.

Sob o guarda-chuva do Magazine Luiza estão empresas como Época Cosméticos, Netshoes e Estante Virtual. A integração digital dessas aquisições foi responsável pelo o que a empresa chama de “Super App”, plataforma que unifica o comércio de todas as marcas.

Em seu IPO (Initial Public Offering, na sigla em inglês) realizado em abril de 2011, o Magazine Luiza arrecadou R$ 925,8 milhões entre ofertas primárias e secundárias. Desde então, a companhia faz parte do Novo Mercado da B3, atendendo a altos padrões de compliance em governança corporativa.

Magazine em números

Os resultados do Magazine Luiza em 2019 corroboram a valorização das ações. No quarto trimestre de 2019 (4T19), as vendas totais da companhia, incluindo lojas físicas, e-commerce tradicional e marketplace, cresceram 51,3%, chegando a R$ 9 bilhões, o maior resultado da história da empresa.

O crescimento foi puxado pelas vendas totais do e-commerce, que aumentaram 92,8% no período, representando 48% das vendas totais e somando R$ 4,3 bilhões. Na comparação com o último trimestre de 2018, o acréscimo é de 57,4% nas vendas online. As vendas do marketplace do Magazine Luiza cresceram 216%, o mesmo que 27% do e-commerce total. Já as lojas físicas (159 inauguradas em 2019) aumentaram em 26% os negócios no 4T19.

O resultado das vendas da empresa colaborou com o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização, o Ebitda, atingindo R$ 394,5 milhões. A margem ajustada passou de 7,6%, no 4T18, para 6,2%, no 4T19, o mesmo que R$ 1,3 bilhão. O lucro líquido ajustado do Magazine Luiza chegou a R$ 185,3 milhões no último trimestre de 2019, com margem líquida de 2,9%.

Segundo o balanço da companhia, o Magazine Luiza tem 25 milhões de clientes ativos, sendo que mais de 20 milhões têm o “Super App” instalado em seus smartphones, e 13 milhões de produtos disponíveis na plataforma.

Crises vs. Oportunidades

Frente à crise instalada com o avanço da Covid-19 e à adoção de quarentena em diferentes partes do país, o foco no e-commerce e a estruturada logística do Magazine Luiza colocam os papéis da empresa entre os principais investimentos recomendados por bancos e corretoras de valores no mês de maio, segundo levantamento realizado pelo portal da revista Exame.

As cotações do MGLU3, que em março bateram R$ 28, operam no início de maio acima dos R$ 55. Os canais de venda online e a sólida rede de distribuição do Magazine Luiza podem favorecer os negócios da empresa apesar do cenário macroeconômico nebuloso. De olho nas oportunidades em meio à crise, a empresa anunciou, em abril, uma parceria com a Caixa Econômica Federal, tornando possível o uso dos recursos do auxílio emergencial para compras na plataforma da empresa sem a necessidade de cartão de crédito.

Ebook aprenda a investir em ações

Como comprar ações do Magazine Luiza

Ao comprar ações de uma empresa, o investidor torna-se também sócio daquela companhia. Portanto, o investimento em ações deve ser sempre precedido de pesquisas sobre o funcionamento do modelo de negócios e das variáveis que atingem o mercado em que a empresa atua.

No caso do MGLU3, a estratégia voltada à integração dos canais de venda ao cliente, o crescimento dos negócios no e-commerce e a solidez das suas operações logísticas colaboram para o desempenho positivo do ativo em meio a uma das maiores crises financeiras da história.

Assim como o Magazine Luiza, é importante que o investidor tenha uma robusta estratégia financeira, identificando os seus objetivos com as aplicações, o perfil e o nível de tolerância ao risco. Lembre-se, o investimento em ações faz parte da renda variável e, portanto, é impossível prever como os preços irão se comportar. O bom investidor está preparado para ter ganhos e perdas.

Seja para alocar recursos no MGLU3 ou em qualquer outra classe de ativos, procure ouvir especialistas. Na Genial, nossos consultores de mercado podem ajudar você a elaborar uma estratégia de investimentos segura e alinhada com as suas metas financeiras.

Uma vez elaborada, essa estratégia pode ser colocada em prática pelo home broker, disponível em nossa plataforma, e pelo app da Genial Investimentos. Abra hoje mesmo sua conta gratuita e tenha acesso a análises e conteúdos que irão ajudar você a tomar as melhores decisões de investimento.

Abra sua conta na Genial Investimentos!

Publicado por Genial Investimentos

A Genial é a plataforma de investimentos que está democratizando o acesso aos melhores produtos do mercado, de forma simples, ágil e eficiente, através de uma assessoria financeira isenta, transparente e qualificada.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *