Qual o melhor investimento no momento? Qual o melhor investimento com a taxa de juros caindo? E subindo? É hora de ir para a bolsa? O que eu faço para ganhar mais? É para comprar Bitcoin?

Investidores fazem essas e muitas outras perguntas a seus assessores financeiros, em busca do investimento mais rentável possível. E buscar um investimento mais adequado ao momento econômico é válido e compreensível.

Afinal, é importante rebalancearmos nossa carteira de vez em quando, para nos certificarmos de que continuamos no caminho dos nossos objetivos financeiros, ganhando acima da inflação.

O problema é quando o investidor se torna um escravo da busca pela rentabilidade, ignorando os riscos, seus objetivos e seu perfil. Muita gente fica com bicho carpinteiro quando vê que um conhecido está “se dando bem” e “ganhando muito dinheiro” com este ou aquele investimento.

Mas este definitivamente não deveria ser o parâmetro de ninguém na hora de escolher onde colocar seu dinheiro. Ou, pelo menos, não deveria ser a única coisa a se considerar.

Pular de uma aplicação financeira para a outra, simplesmente para tentar surfar uma onda, pode na verdade ser muito nocivo ao patrimônio do investidor. Acertar os momentos exatos de investir em cada tipo de ativo é muito difícil.

Além disso, muita gente esquece que é muito mais importante investir com consistência e disciplina do que dar uma grande tacada, isto é, encontrar aquele investimento que nos tornará ricos em pouco tempo.

Devemos investir com base em nosso perfil e objetivos, nos investimentos que compreendemos e conhecemos. Independentemente do cenário econômico, devemos manter a disciplina de investir sempre, poupar periodicamente. E quanto maior o patrimônio investido, mais importante é diversificar a carteira.

Finalmente, não devemos ficar loucos atrás de rendimentos altíssimos. Lembre-se de que rentabilidades muito altas podem não durar muito tempo, além de virem, em geral, acompanhadas de uma boa dose de risco.

Por que começar a investir já

Além da consistência e da disciplina, outro fator fundamental para quem quer atingir a independência financeira de forma saudável, sem se arriscar demais, é o tempo.

Os juros compostos são os melhores amigos do investidor. Quanto mais cedo você começa a investir para um objetivo, menos você precisa poupar e menos risco precisa tomar para atingir a quantia desejada no momento desejado.

A diferença no patrimônio de quem poupa com disciplina por um prazo longo é gritante em relação ao patrimônio de quem poupa por um prazo mais curto, ainda que com a mesma disciplina.

O tempo e os juros ajudam, não é preciso fazer nada mirabolante. Duvida? Confira a simulação a seguir.

Imaginemos um investimento inicial de 5 mil reais com investimentos posteriores mensais de mil reais por mês, a uma rentabilidade de 8% ao ano. Não estamos considerando taxas, impostos ou inflação porque queremos apenas mostrar o efeito do tempo na acumulação de patrimônio. Na tabela, mostramos quanto o investidor consegue juntar em cada prazo:

PrazoValor acumulado
5 anosR$ 80.291,29
10 anosR$ 190.918,90
15 anosR$ 353.467,15
20 anosR$ 592.303,85
25 anosR$ 943.233,33
30 anosR$ 1.458.863,87

Repare que ao investir por cinco anos, o montante acumulado foi de aproximadamente 80 mil reais. Dobrando-se esse tempo para dez anos, o montante acumulado mais que dobra, para quase 191 mil reais.

Quanto maior o prazo, maiores ficam as diferenças. Quem poupa por 25 anos acumula 943 mil reais. Já quem poupa por 30 anos – 20% de tempo a mais – acumula quase 1,5 milhão de reais, um montante mais de 50% maior que o de quem investe por 25 anos.

Se você acha que poupar por 30 anos é tempo demais, pense que, para alguém que começa a investir aos 30 anos de idade, é o tempo decorrente até a aposentadoria, aos 60 anos. Nada mal juntar um ou dos milhões até lá, certo?

O montante acumulado é função do tempo, mas seu crescimento não se dá de forma linear, e sim exponencial. Os juros compostos incidem não só sobre o montante aplicado, como também sobre os juros do período anterior, fazendo o patrimônio crescer rapidamente, mantidas as taxas de juros positivas.

Leia também: Como ficar rico: a estratégia para chegar ao primeiro milhão

Moral da história

A melhor estratégia é começar a investir o quanto antes. Se você investir com disciplina e consistência em investimentos adequados ao seu perfil e objetivos, de forma diversificada e com riscos controlados, você vai chegar lá.

Não precisa aplicar no investimento do momento, correr altos riscos, ir atrás de rentabilidades altíssimas. Não precisa tampouco ser um profundo conhecedor do mercado financeiro e de investimentos complexos e sofisticados.

Uma boa consultoria de investimentos faz toda diferença nessas horas. Ela ajuda você a remanejar sua carteira quando necessário, mas mantendo o foco no longo prazo.

Aqui na GENIAL, acreditamos que todo mundo pode ser um investidor. Por isso, dispomos de consultoria de investimentos gratuita, não falamos financês e oferecemos investimentos rentáveis sem tirar o olho do perfil dos nossos clientes.

Precisa de ajuda para investir melhor o seu dinheiro? Veja como a GENIAL pode ajudar você.

Publicado por Genial

A Genial é a plataforma de investimentos que está democratizando o acesso aos melhores produtos do mercado, de forma simples, ágil e eficiente, através de uma assessoria financeira isenta, transparente e qualificada.

Contentários