Aquela sensação de ansiedade para declarar o Imposto de Renda (IR) à Receita Federal já passou. Agora, você já pode relaxar, afinal, basta esperar o governo conceder a tão esperada restituição.

Mas quando os contribuintes recebem? A regra é simples: quanto mais cedo você declarou mais cedo irá receber e quem declarou perto do dia 30 de abril será um dos últimos a aproveitar o recurso.

Calendário de Restituição

A restituição é paga em lotes. Ao todo são sete, de junho até dezembro. Até o momento, já foram dois. O primeiro prevê o pagamento aos contribuintes que se enquadram nas prioridades: idosos e deficientes físicos e mentais.

Abaixo, confira o calendário e veja em quais datas você ainda pode receber:

Lote Data Remuneração
Selic
Declarações transmitidas até
17/06/2019 1,54% Prioridades
15/07/2019 2,01% 14/03/2019
15/08/2019 Não divulgada  
16/09/2019 Não divulgada  
15/10/2019 Não divulgada  
18/11/2019 Não divulgada  
16/12/2019 Não divulgada

Você deve ter reparado que tem um campo na tabela da Receita escrito “Remuneração Selic”. Mas o que é isso? Como os lotes são pagos aos contribuintes mês a mês esse dinheiro é corrigido de acordo com o valor proporcional da taxa Selic referente ao período.

Então, desde o fim da declaração, em 1° de maio, até o primeiro lote, em 16 de junho, a variação da Selic foi de 1,54% e essa porcentagem é acrescida à restituição.

Portanto, quanto mais tarde a declaração for entregue mais dinheiro você irá ganhar. Recapitulando: o planejamento vai de acordo com o que você mais precisa.

Se você quer dinheiro mais rápido, corra para fazer o mais cedo a declaração. Se você quer mais dinheiro, faça a declaração no limite, já que haverá maior remuneração da Selic.

Ainda está pensando no que fazer quando receber a restituição? Invista com a Genial Investimentos. Abra a sua conta para ter na mão os melhores investimentos do mercado!

abra sua conta
Leonardo Pinto

Leonardo Pinto

Leonardo é jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero, com passagens por grandes veículos da imprensa brasileira, como TV Cultura, Veja e Estadão. Especializou-se em jornalismo econômico, com aprovação pela FGV, no curso de trainee promovido pelo Grupo Estado.

Deixar um comentário

Bitnami