Há investimentos de diferentes tipos, voltados para diversos perfis de investidor. Há os indicados para quem tem experiência, um valor considerável para investir e aceita correr maiores riscos em busca de retornos mais elevados. Por outro lado, existem também as aplicações perfeitas para quem deseja atingir objetivos específicos, como uma viagem, ou apenas se organizar financeiramente formando uma reserva de emergência, por exemplo. Por isso, o mercado financeiro trabalha com o conceito de perfil do investidor. Assim, fica mais fácil identificar os investimentos de acordo com o que cada pessoa realmente quer ou precisa.

Existem três modalidades de investimentos: os conservadores, os moderados e os arrojados. Quer saber mais sobre os tipos de investimento e descobrir qual deles é o ideal para seu perfil? Então continue a leitura!

Investimentos conservadores

São aplicações mais indicadas para clientes que pretendem proteger o seu capital. Geralmente, são investidores menos tolerantes aos riscos e/ou que preferem assegurar a possibilidade de resgatar o dinheiro investido no momento em que precisarem, sem perder dinheiro. A essa característica damos o nome de liquidez. Quanto maior a liquidez de um ativo, mais rápido você consegue ter acesso ao seu montante investido.   

Os investimentos conservadores envolvem riscos baixíssimos: eles tendem a seguir uma remuneração previamente acordada, e o risco de crédito é quase nulo, ou seja, existem poucas chances de calote. Essa classe de investimentos costuma apresentar liquidez alta. 

Abaixo, seguem alguns exemplos de investimentos conservadores:

Entre os três destacados, o Tesouro Direto, especificamente o Tesouro Selic, é um dos que melhor representa essa categoria. Ele possui liquidez diária e permite o resgate do dinheiro dentro de um dia útil. Apresenta rentabilidade maior que a da poupança e conta com a segurança de ser um título emitido pelo governo brasileiro, um agente muito mais sólido do que qualquer instituição financeira.

Investimentos moderados

Dentro de uma escala de tolerância a riscos, os investimentos moderados estão no meio termo entre os conservadores e os arrojados. Por isso, são indicados para o investidor que tem maior predisposição a riscos que o conservador. Em geral, seu foco está no médio prazo, ou seja, não há tanta preocupação com a liquidez. 

Entre os exemplos de investimentos moderados, podemos citar:

Os fundos imobiliários buscam retorno a partir da locação, venda e arrendamento de ativos imobiliários. Investindo nesse produto, é possível lucrar com a valorização da cota adquirida em médio e longo prazo. Neste caso, os riscos são um pouco maiores do que na renda fixa, e estão ligados à possibilidade de não pagamento de aluguéis, vacância ou desvalorização da área em que o imóvel está localizado.

Investimentos arrojados

Quando o investidor apresenta maior tolerância aos riscos e não vê a necessidade de alta liquidez, dizemos que se trata de um investidor arrojado. Ele tende a ter mais tolerância às oscilações naturais dos mercados de maior risco. Por isso, concentram seus investimentos em renda variável, como ações da Bolsa de Valores, por exemplo.

Em comparação com os investimentos conservadores e moderados, é natural que os arrojados tenham potencial de rentabilidade bem maior. Essa é a compensação por correr mais riscos.

Confira alguns exemplos de investimentos considerados arrojados:

  • Ações
  • Câmbio
  • Derivativos.

O mercado de ações permite ao investidor de perfil agressivo conseguir maiores lucros. Por meio dele, é possível participar de negócios com elevado potencial de valorização, mas, para isso, é necessário conhecer bem o mercado de renda variável e os riscos que ele oferece, uma vez que trata-se de um ambiente com maior oscilação.

Ao comprar ações, por exemplo, o investidor adquire partes de empresas e isso é muito diferente de emprestar dinheiro a uma instituição e receber juros como recompensa. Vale lembrar que os investidores arrojados podem manter parte dos investimentos de sua carteira em ativos moderados e também conservadores, mas essa fração será menor do que a de ativos que oferecem mais riscos.

Ebook aprenda a investir em ações

Os objetivos de cada investidor

Em resumo, enquanto o investidor conservador tende a querer preservar seu capital, o de perfil moderado aceita correr maior risco na busca por um retorno maior em médio prazo. O arrojado, por sua vez, aceita as oscilações dos mercados mais arriscados, inclusive pode lidar com perdas para obter retornos maiores no longo prazo.

Perceba que em relação ao prazo que cada um visualiza, o conservador tem foco no curto prazo, o moderado, no médio prazo e o arrojado no longo prazo.

Perfil do investidor: como descobrir o seu

Para saber qual é a melhor classe de investimentos para você, o indicado é abrir uma conta em uma plataforma de investimentos para fazer uma análise de perfil. 

A análise de perfil é um teste que avalia questões como o seu momento financeiro, objetivos e qual o seu grau de conhecimento a respeito do mercado financeiro. Esse questionário costuma ser uma das primeiras ações realizadas por corretoras assim que você cria seu cadastro. Consequentemente, a plataforma tem como direcionar melhor suas ofertas para gerar resultados de acordo com a realidade do investidor.

Vale lembrar que o perfil do investidor é dinâmico. Ele pode ser alterado em função de fatores como a experiência de mercado e a própria fase da vida. Dependendo da idade, uma mesma pessoa pode modificar seus objetivos. 

De maneira geral, o importante  é que você entenda que o mercado financeiro apresenta opções para diferentes tipos de investidor. Saber exatamente qual o seu perfil te permitirá investir mais e melhor. 

Agora que sabe como funciona o perfil do investidor e sua importância, venha fazer o teste para descobrir qual é o seu. Abra sua conta gratuita, vem ser Genial!

abra sua conta

Publicado por Genial

A Genial é a plataforma de investimentos que está democratizando o acesso aos melhores produtos do mercado, de forma simples, ágil e eficiente, através de uma assessoria financeira isenta, transparente e qualificada.

Contentários

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *