Criada por um dos co-fundadores do Ethereum, a criptomoeda do momento – que está entre as 10 maiores em valor de mercado – se chama Polkadot. Se você pesquisar esse termo no Google, é possível que encontre desde imagens de um modelo de estampa bastante famoso nos anos 50, até um super-herói da década de 60, passando por uma criptomoeda de 2020.

Isso porque as três opções possuem algo em comum: são representadas por “bolinhas”, ou padrões de círculos preenchidos, todos do mesmo tamanho, conhecidos oficialmente como “polkadots”.

Até setembro de 2021, a criptomoeda com esse nome já possuía aproximadamente 32 bilhões de dólares em capitalização de mercado, após acumular uma valorização de mais de 500%. Seu diferencial, em relação às outras criptos, está no fato de que todas as plataformas conectadas à Polkadot podem ser customizadas de acordo com a necessidade de cada desenvolvedor.

Legal, não é mesmo?! Para saber mais sobre ela, basta continuar a leitura!

O que é a Polkadot

A Polkadot (DOT) é um ativo digital que visa, principalmente, a interoperabilidade/interconexão de redes blockchains por meio de um protocolo que possibilita a transferência de dados e tokens. Isso quer dizer que ela atua diretamente na solução de camada zero, ou seja, está um passo antes das próprias redes às quais ela pretende conectar, se tornando também um “berço” de desenvolvimento de novas cadeias.

Para ilustrar, pense que hoje existem inúmeros projetos semelhantes trabalhando de forma isolada em suas respectivas blockchains. Podemos dizer que cada projeto é representado por um ponto, ou por uma “bolinha”, que compõe uma grande estampa. O que a Polkadot propõe é a conexão entre cada um desses pontos, interligando diferentes blockchains.

Como a Polkadot surgiu

Em 2017, visando desenvolver um projeto de interoperabilidade e inaugurar uma infraestrutura de interconexão mais escalável e segura – por meio do qual diferentes redes blockchain pudessem trabalhar em conjunto e de forma descentralizada – Gavin Wood, co-fundador da Ethereum, deu vida à Polkadot, um protocolo que une diferentes redes em um único ecossistema.

O lançamento oficial da criptomoeda, no entanto, ocorreu em 2020 – e, pouco tempo depois, sua performance no mercado começou a impressionar investidores e especialistas. Hoje, a Polkadot figura entre as 10 maiores criptos no ranking global.

Todo esse movimento contribuiu – e contribui, até hoje – para moldar a era da Web 3.0.

Como ela funciona e para que serve

Quando falamos em Polkadot, podemos logo pensar na Web 3.0 – que, basicamente, é a próxima geração da internet em termos de tecnologia – voltada ao uso de inteligências artificiais, cujo objetivo principal gira em torno da criação de aplicativos mais inteligentes e interligados, que tenham capacidade de processar informações e dados com mais precisão.

Esse é um dos motivos pelos quais investidores e instituições têm apostado cada vez mais no projeto. Mas, para compreendermos o valor da Polkadot, precisamos entender os principais critérios de sua arquitetura, que são três:

Relay-Chain

Podemos visualizá-la como o “coração” da Polkadot, na medida em que permite o processamento de transações de todas as redes ao mesmo tempo, potencializando sua escalabilidade. É o ponto de encontro entre todas as blockchains.

Parachain

As parachains, por sua vez, são blockchains construídas “em cima” da Polkadot. Elas compartilham os mesmos níveis e critérios de segurança e podem interagir entre si, apesar de serem independentes.

Kusama

A Kusana é a plataforma de experimentação e desenvolvimento da Polkadot. É por meio dela que desenvolvedores podem propor soluções para serem utilizadas no mundo digital.

Vantagens da Polkadot

Eficiência energética

A Polkadot é considerada um protocolo verde digital, na medida em que foi pensada visando reduzir o alto consumo energético das blockchains convencionais de prova de trabalho. Seu modelo Nominated Proof-of-stake (NPoS) utiliza uma pequena fração da energia e tem a menor pegada de carbono entre todos os protocolos analisados.

Governança transparente

As atualizações do projeto ocorrem sempre através de votação transparente dentro da rede, de maneira com que o seu o desenvolvimento não seja impactado e ou interrompido devido à falta de clareza nas informações compartilhadas.

Todo o processo de governança é projetado para ser vinculativo, interconectado, seguro e transparente, a fim de resolver disputas e atualizar a blockchain. Os tokens DOT são utilizados também na tomada de decisão.

Projetos que vêm sendo desenvolvidos na Polkadot

Algumas propostas que vêm sendo desenvolvidas atualmente na rede Polkadot incluem projetos relacionados a contratos inteligentes (smart contracts); redes de curadoria de dados; cadeias Oracle e de Identidade; cadeias financeiras (que permitem a manutenção de um portfólio de ativos digitais, incluindo pontes para o Bitcoin, Ethereum, Litecoin e outras criptomoedas); cadeias da Internet das Coisas, e cadeias de armazenamento de arquivos.

Quanto vale a Polkadot hoje

Atingindo uma máxima de US$ 55 em novembro de 2021, a Polkadot está dentro do setor de Smart Contracts, utilizando o Proof-of-Stake como algoritmo de consenso. 

Até 2020, seu preço oscilava entre US$2,94 e US$9,22. Foi a partir de 2020, no entanto, que a criptomoeda começou a ser mais movimentada no mercado, acumulando altas consideráveis e alguns recuos.

Hoje, em 20 de setembro de 2022, data de publicação deste artigo, a Polkadot estava valendo US$ 6,26, ou R$ 32,10, após recentes quedas no valor das criptomoedas no mercado. Confira, abaixo, um gráfico com as principais oscilações da moeda digital ao longo dos últimos 12 meses:

Fonte: Coinbase (acesso em 20/09).

Apesar de estar em um momento de baixa, a Polkadot é vista com bons olhos pelos especialistas no assunto, principalmente por ser considerada bastante promissora. E você, já tinha ouvido falar dela? O que acha dessa cripto? Conte para a gente deixando um comentário aqui no blog!  

Vexter

Genial Investimentos

Somos uma plataforma de investimentos que tem como objetivo facilitar o acesso ao mercado financeiro e ampliar a educação financeira no Brasil.

Ver todos os artigos
E-book Trader

Navegação rápida

O link do artigo foi copiado!

Planilha Comparativa de Renda Fixa