Conhecer os principais indicadores econômicos é fundamental para tomar boas decisões de investimento. Afinal, os rendimentos das aplicações financeiras costumam estar, de alguma forma, relacionados a esses indicadores.

O desempenho dos investimentos está sempre relacionado, de uma forma ou de outra, às perspectivas econômicas. Além disso, muitas aplicações financeiras têm a rentabilidade atrelada a algum tipo de indexador, como uma taxa de juros ou de inflação.

Para saber se o seu investimento tem boa rentabilidade ou não, também é preciso compará-lo aos indicadores que lhes servem de referência.

Por exemplo, para valer a pena correr algum risco, é preciso que o investimento seja capaz de render mais que a taxa básica de juros, a Selic, que baliza a remuneração das aplicações mais conservadoras.

Já para proteger o seu patrimônio e até para de fato enriquecer com investimentos, seus rendimentos devem conseguir superar a inflação.

A remuneração da poupança é outro dado que costuma ser caro aos investidores pessoas físicas. Afinal, geralmente é ela que motiva os investidores a buscarem aplicações mais rentáveis.

Mesmo que você conte com uma boa consultoria de investimentos, como a da GENIAL, é interessante acompanhar esses indicadores. Isso vai ajudá-lo a entender o que acontece com o seu dinheiro e até a conversar com mais desembaraço com o seu consultor.

Mas você sabe onde procurar todas essas informações? Sabe onde são divulgadas para buscá-las por conta própria, a qualquer hora e em qualquer lugar? Abaixo, disponibilizamos os links diretos para você encontrar os principais indicadores que os investidores devem acompanhar.

Taxa Selic

A taxa Selic é facilmente acessível pelo site do Banco Central. Logo na home, você pode ver, na coluna à direita, a meta atual para a taxa Selic, o viés (se é de alta, de baixa ou sem viés), bem como a Selic efetiva do último dia útil.

Por exemplo, nesta terça-feira, 15 de agosto, é possível ver que a meta para a Selic, estabelecida na última reunião do Comitê de Política Monetária do BC (Copom) é de 9,25% ao ano, sem viés. A Selic efetiva praticada no dia 14 de agosto foi de 9,15% ao ano.

Se você quiser dar uma olhada no histórico da taxa Selic, você pode acessar esta página do site do BC. Ali você pode visualizar a meta atual para a Selic, bem como todas as metas desde 1996 e o período de vigência de cada uma.

Dessa forma, você pode relembrar a meta da Selic em algum período do passado. Por exemplo, que de 11 de outubro de 2012 a 17 de abril de 2013, a meta da taxa básica de juros esteve em seu patamar histórico mais baixo, de 7,25% ao ano.

Entenda o que é a taxa Selic e como ela afeta o seu bolso.

Taxa DI ou CDI

A taxa DI do dia, expressa em percentual ao ano, está disponível na home do site da Cetip, companhia que oferece serviços de liquidação e custódia e hoje se encontra unida à BM&FBovespa na empresa B3.

Entenda de onde vem a taxa DI e por que ela acompanha a Selic.

Inflação

As taxas de inflação estão disponíveis na seção “Indicadores econômicos consolidados” do site do BC, onde você também encontra uma série de outros dados econômicos do país.

No primeiro item, Estimativas dos Índices de Preços, você pode baixar uma planilha que contém informações referentes a vários índices de inflação, como o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), o Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) e o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), índice de inflação oficial.

Nessa planilha você encontra a inflação mensal, o acumulado no ano e o acumulado em 12 meses para cada mês do ano corrente.

Os meses marcados com o número 2 são os meses já fechados, para os quais os dados de inflação já foram divulgados. Para os demais meses do ano, os números da planilha são apenas estimativas do Banco Central.

Por exemplo, neste dia 15 de agosto, é possível visualizar os dados de inflação já divulgados para todos os meses de janeiro a julho. Para os meses de agosto a dezembro, há apenas os dados estimados.

O que é a inflação e como ela afeta você.

Câmbio (dólar, euro e outras moedas estrangeiras)

Na coluna da direita da home do site do BC, você também consegue visualizar o dólar e o euro PTAX do dia, para compra e venda. A taxa PTAX é a taxa de câmbio calculada pelo Banco Central diariamente.

Por exemplo, nesta terça-feira, o dólar PTAX fechou a 3,1970 reais para compra e 3,1976 reais para venda.

Nesta página, você consegue visualizar a PTAX para outras moedas, além de verificar as taxas de câmbio em datas específicas no passado.

Perspectivas econômicas

As expectativas do mercado para a economia brasileira são reunidas semanalmente pelo Banco Central e divulgadas no seu Boletim Focus.

No relatório, estão disponíveis as perspectivas para indicadores como a meta para a taxa Selic, para a inflação, para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) e para o câmbio no fim do ano corrente e do ano seguinte.

Todos os Boletins Focus estão disponíveis aqui.

Correção de valores a partir de indicadores acumulados

A Calculadora do Cidadão, do Banco Central, permite calcular as taxas de inflação, Selic, CDI, Taxa Referencial e remuneração da poupança acumuladas em períodos personalizados pelo usuário.

Além disso, é possível calcular a correção de um valor por quaisquer desses indicadores. Veja, por exemplo, como calcular o rendimento da poupança e a inflação acumulada usando a Calculadora do Cidadão.

Quer ajuda para investir melhor o seu dinheiro? Veja como a GENIAL pode ajudar você.

abra sua conta

Publicado por Genial

A Genial é a plataforma de investimentos que está democratizando o acesso aos melhores produtos do mercado, de forma simples, ágil e eficiente, através de uma assessoria financeira isenta, transparente e qualificada.

Contentários