Os serviços bancários fazem parte do cotidiano de boa parte das pessoas — independentemente do estilo de vida ou da classe social. Entretanto, as pessoas com mais recursos disponíveis podem dispor de mais exclusividade com o private banking.

Essa é uma oferta de serviços restrita a certos clientes e pode trazer vantagens significativas no cotidiano das pessoas. Por isso, vale a pena saber como ela funciona e o que ela pode oferecer para a vida financeira das pessoas.

Neste artigo, você entenderá o que é private banking, como é o seu funcionamento e quais são os serviços ofertados. Continue a leitura!

O que é um private banking?

O private banking é uma modalidade de serviços bancários personalizada para clientes de alta renda ou patrimônio líquido elevado. As instituições financeiras com a solução oferecem um nível mais elevado e customizado de atendimento.

Geralmente, os clientes de private banking contam com gerentes de relacionamento dedicados, que trabalham em estreita relação para entender suas necessidades financeiras. Ainda, é comum que parte dos esforços gire em torno dos objetivos de investimento.

O público de private banking também pode ter acesso a investimentos exclusivos e instrumentos mais sofisticados. Com isso, a modalidade pode oferecer vantagens à parcela de pessoas que fazem parte desse grupo seleto, concorda?

Com um serviço segmentado, fica mais fácil identificar e atender as necessidades de cada cliente, tendo o seu patrimônio como ponto de partida. Além disso, a fidelização do público de alto padrão se dá pelo acesso a soluções complementares, como uma consultoria patrimonial e tributária.

O profissional com essa expertise é chamado de private banker. Ele é responsável por gerenciar os clientes mais importantes e de alta renda de uma instituição financeira e costuma ter mais qualificação que os demais bancários.

Quais são as soluções que o private banking pode oferecer?

Agora que você entendeu mais sobre o private banking, vale a pena se aprofundar sobre os serviços que ele oferece. Saiba mais!

Investimentos

Investir seu dinheiro é uma das melhores práticas para ampliar o seu patrimônio no longo prazo e ainda protegê-lo diante das oscilações. Entretanto, a gestão da carteira é um processo que pode ser desafiador — especialmente para aqueles com ampla reserva de capital.

Ao contar com soluções de private banking, você dispõe de profissionais dedicados à sua carteira de investimentos. Nesse âmbito, a gama de serviços é maior, quando comparada à de uma assessoria convencional.

Sendo um cliente de private banking, você pode:

  • entender melhor sobre seu perfil de investidor;
  • ter suporte no momento de traçar objetivos financeiros;
  • contar com uma consultoria e acompanhamento sobre suas movimentações.

Ademais, ao estar nesse seleto grupo, o cliente tem acesso a oportunidades financeiras que não estão disponíveis para os todos os investidores do mercado. Isto é, com o private banking, é possível acessar investimentos diferenciados, certo?

As alternativas exclusivas podem ser estruturadas para diversos fins. Essa grande variedade de investimentos e soluções pode ser útil para internacionalizar a carteira, diversificar o patrimônio, gerar benefícios fiscais e ampliar o potencial de retorno.

Planejamento financeiro e patrimonial

Além dos investimentos, o private banking conta com serviços voltados ao seu planejamento financeiro. O foco aqui é apresentar soluções interessantes e personalizadas para a gestão do seu patrimônio.

Os clientes de private banking têm acesso a consultores experientes que podem ajudá-los a desenvolver um plano financeiro mais complexo. A estratégia pode abordar todas as necessidades financeiras, desde o controle de despesas até o planejamento de aposentadoria.

Além disso, o público pode contar com uma equipe dedicada para gerenciar seus ativos e patrimônio de forma estratégica, incluindo a gestão de riscos e a diversificação de portfólio. Em complemento, é possível ter uma consultoria tributária e patrimonial para reduzir o impacto dos impostos.

Essas ferramentas otimizam a gestão do seu capital e ajudam a criar uma estrutura para formar a base do seu patrimônio. Inclusive, a depender do acordo desenhado com a instituição financeira, é possível realizar o seu plano de sucessão para aumentar as chances de fazer o patrimônio perdurar por gerações.

Com a centralização desses serviços, você conquista mais praticidade e, em muitos casos, tem rapidez nas tomadas de decisões. Ademais, com o private banking é possível acessar um suporte diferenciado para as transações financeiras nacionais e internacionais.

Entre elas, estão as operações de câmbio e as movimentações globais. Ao ter esse serviço, o cliente pode ter acesso, em tempo real, a outras economias do mundo, com diferentes realidades, para internacionalizar seu patrimônio e diluir riscos.

Crédito

As soluções de crédito também fazem parte do leque de benefícios disponíveis no private banking. Elas têm o objetivo de manter a liquidez do capital dos investidores, sempre visando a otimização do patrimônio.

Dentro das possibilidades estão empréstimos com garantias, em que o cliente pode usar ativos, como bens, ações, títulos ou cotas de fundos de investimento como forma de garantir o pagamento ao credor. Isso pode viabilizar taxas de juros mais baixas e limites de empréstimo mais elevados.

Além disso, os bancos de private banking podem oferecer empréstimos pessoais com condições mais interessantes do que aquelas oferecidas pelo banco comercial comum. Assim, os clientes acessam o dinheiro rapidamente para atender às suas necessidades pessoais.

As soluções de crédito também ficam disponíveis para quem deseja fazer aquisições maiores. Por exemplo, os clientes que desejam comprar imóveis de luxo ou investir em empreendimentos comerciais podem acessar soluções de financiamento sob medida.

Quais são as vantagens que o private banking oferece?

Chegando até aqui, você compreendeu o que é private banking e quais são os serviços oferecidos pela modalidade. A seguir, veja as vantagens que ele oferece para os clientes de alto padrão!

Personalização

A personalização é um aspecto cada vez mais escasso, especialmente em um cenário de automação que ganha mais espaço na vida cotidiana, não é mesmo? É por isso que se torna mais comum encontrar soluções genéricas e padronizadas, inclusive no âmbito de serviços financeiros.

Nesse sentido, ao dispor de soluções de private banking, você poderá acessar opções personalizadas para o seu capital. Com isso, é possível construir um direcionamento próprio para os seus objetivos, em vez de recorrer a uma alternativa tratada de forma massificada.

Em adição a isso, os profissionais que atuam no private banking estão sempre atualizados sobre as novidades do mercado financeiro. Essa característica proporciona rapidez e direcionamento para o atendimento das suas necessidades financeiras.

Exclusividade

Em conjunto aos benefícios ligados à personalização, a exclusividade é outra vantagem do private banking. Isso acontece porque o serviço é destinado a clientes de alto patrimônio líquido, que demandam atendimento personalizado e soluções financeiras sob medida.

Desse modo, os clientes de private banking têm acesso a serviços financeiros restritos — ou seja, que não estão disponíveis para o público. Eles contam com gerentes de portfólio altamente qualificados, consultores financeiros, especialistas fiscais e jurídicos, entre outros profissionais.

Os clientes de private banking também podem ter acesso a ofertas exclusivas, como convites para eventos privados e produtos financeiros e de investimento. A exclusividade do private banking é uma das razões pelas quais esse serviço é tão atraente para o público de alta renda.

Orientação na carteira de investimentos

No private banking, como você viu, há o acompanhamento profundo e constante da sua carteira de investimentos. Essa vantagem pode incluir, por exemplo, a geração de relatórios mensais sobre seus resultados.

A partir dessas informações, é possível definir mudanças, traçando uma nova rota para os seus investimentos. Portanto, o serviço pode ser uma forma de manter a sua carteira de investimentos atualizada e alinhada com os objetivos estabelecidos e a realidade atual do mercado.

Essa é uma vantagem que, normalmente, não fica disponível para investidores individuais ou que contam com serviços de assessoria — visto que há uma limitação sobre a atuação desses profissionais. Portanto, o private banking tem uma solução mais completa quanto aos investimentos.

Privacidade e confidencialidade

Outra vantagem do private banking é a proteção dada para o cliente. As instituições financeiras que trabalham com essa modalidade oferecem um alto nível de privacidade e confidencialidade, garantindo que as informações financeiras sejam protegidas e mantidas em sigilo.

Além disso, o público pode ter acesso a uma vasta rede de contatos a partir do private banking. Logo, ele pode contar com profissionais da área tributária e jurídica, que fornecem orientação e soluções em áreas ligadas às suas necessidades.

Como ser um cliente private banking?

Antes de descobrir como ser um cliente private banking, é preciso entender como funciona a segmentação dos serviços bancários. Primeiramente, existem as soluções de varejo — focadas mais na base da pirâmide de clientes.

Esses serviços servem como a porta de entrada das soluções e costumam estar disponíveis para o público amplo. Geralmente, o público de varejo tem menos de R$ 8 mil de renda e menos de R$ 100 mil disponíveis para investimento.

O segundo nível é a área de alta renda. Nesse caso, o foco é um público com maior potencial financeiro e as soluções se tornam mais sofisticadas. Esses clientes têm renda superior a R$ 8 mil e mais de R$ 100 mil em patrimônio.

No topo da pirâmide, há o private banking. Para a área, não há uma renda ou um patrimônio padronizado por todas as instituições financeiras, mas é comum que o público tenha, no mínimo, R$ 1 milhão em patrimônio — certos bancos exigem quantias maiores.

Para quem se enquadra nas exigências, é comum ser necessário estabelecer um relacionamento prévio com a instituição. Com isso, ela pode considerar aspectos como o histórico de crédito, a renda anual, a idade e a ocupação.

O próprio cliente pode entrar em contato com a instituição financeira caso deseje contar com o serviço. Também pode acontecer de a própria instituição identificar os potenciais clientes e oferecer a solução.

Quais são as diferenças do private banking para outros serviços financeiros?

Mesmo após entender mais sobre o private banking, é natural se perguntar como ele se diferencia de outras soluções financeiras — como assessoria de investimentos e gestão patrimonial. No entanto, vale a pena reforçar que ele já abriga esses serviços para os clientes.

Nesse sentido, um dos principais diferenciais é que o private banking é ofertado para poucas pessoas, garantindo mais exclusividade. Além disso, ele oferece mais confidencialidade, dificultando a disseminação de informações sensíveis.

Outro ponto interessante é que o private banking funciona como uma solução “all in one” — tudo em um, em tradução livre. Isso significa que com apenas uma contratação, há o acesso a um vasto leque de serviços, gerando mais praticidade e comodidade para os clientes.

Somando-se a esses pontos, o private banking pode oferecer serviços bancários exclusivos. Entre eles estão o gerenciamento de contas bancárias, transferências internacionais e outros serviços que atendem às necessidades dos clientes de alto patrimônio líquido.

Como escolher a melhor instituição para serviços de private banking?

Se você já tem o capital necessário para entrar no private banking, está na hora de saber como escolher a melhor instituição financeira para cuidar do seu patrimônio. Para a seleção, você deve considerar aspectos importantes como o histórico da instituição financeira.

Vale a pena priorizar instituições sólidas e de renome para se certificar que seu patrimônio esteja em boas mãos, combinado? Também veja a expertise dos profissionais envolvidos em processos de wealth management, por exemplo.

Outro ponto relevante é conferir as comissões e taxas incidentes. Além disso, avalie como outros clientes analisam a oferta dos serviços. Para os investidores que colocam o seu capital fora do Brasil, também é fundamental analisar a presença global dessa instituição.

Com base nesses passos, analise as opções mais adequadas à sua realidade para garantir que a instituição financeira esteja alinhada às suas expectativas. Quer aprender mais sobre serviços financeiros restritos e personalizados? Veja como funcionam os fundos exclusivos!

Genial Investimentos - Abra sua conta

Antonio Pandim Neto

Especialista de investimentos aqui na Genial há mais de dois anos. Premiado como Melhor Assessor Genial Pleno 2022 e Assessor Destaque 2021. Possui as certificações CEA, CPA 20, PQO e Green Belt.

Ver todos os artigos
Campanha Institucional - Ativação - Abra sua conta

Navegação rápida

O link do artigo foi copiado!