Na hora de escolher quais investimentos farão parte da carteira, muitas pessoas buscam conhecer o cenário econômico atual. Por meio dessa avaliação, é possível identificar as perspectivas econômicas e como elas afetam os investimentos. 

Nesse processo, faz sentido usar indicadores econômicos de referência e, com base em seus resultados, buscar as melhores oportunidades. Ao mesmo tempo, a decisão também deve considerar as suas características como investidor. 

Para conferir os impactos do cenário econômico nos investimentos e como adotar isso na sua tomada de decisão, continue a leitura! 

O que avaliar sobre o cenário econômico atual? 

Como o objetivo é entender qual é o impacto da situação da economia na tomada de decisão dos investimentos, é preciso saber quais são os elementos que têm influência nos resultados. Nesse sentido, vale a pena recorrer aos indicadores do cenário econômico. 

Confira alguns dos principais! 

Selic 

taxa Selic é a taxa básica de juros da economia. Ela é definida a cada 45 dias pelo Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (Bacen). O comitê pode escolher mantê-la, aumentá-la ou reduzi-la. 

Você verá como ela afeta os investimentos, mas também é importante entender seus impactos na economia:  

  • quando está elevada, torna o crédito mais caro e implementa uma política contracionista; 
  • quando está baixa, facilita o consumo e busca ajudar o desenvolvimento econômico. 

IPCA 

Já o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) é a taxa oficial de inflação do Brasil. Quanto maior for o índice IPCA, maior é a inflação e, portanto, a perda de poder de compra e do valor do dinheiro no tempo. 

PIB 

O Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro, por sua vez, mede todas as riquezas acumuladas no ano pelo país. Ele é considerado a medida de avanço da economia e indica se houve crescimento, estagnação ou recessão. 

Dependendo da perspectiva econômica para esses indicadores, são tomadas medidas diferentes para reverter resultados negativos ou consolidar um bom desempenho. Logo, a atratividade dos investimentos tende a flutuar com a situação econômica do Brasil. 

Além disso, é comum observar o cenário internacional. A medição do câmbio é complementada pelo acompanhamento de mudanças nas taxas de juros internacionais e nas perspectivas de crescimento. Afinal, o que acontece em outros mercados tende a se refletir no cenário interno. 

Como os indicadores econômicos afetam os investimentos? 

Agora que você sabe como o cenário econômico é composto e afetado pelos indicadores, é necessário compreender como eles podem afetar os investimentos.  

Por isso, veja de que forma cada elemento pode influenciar o rendimento dos investimentos! 

Taxa Selic 

A taxa Selic é um dos principais benchmarks da renda fixa e, por isso, afeta diretamente o resultado de investimentos dessa classe. 

Quando a Selic sobe, por exemplo, o retorno de títulos pós-fixados do Tesouro Nacional é ampliado. Como o Tesouro Selic passa a pagar mais, a dívida pública também aumenta.  

Além disso, a variação da Selic afeta outros investimentos de renda fixa, em especial os pós-fixados. Isso porque muitos títulos rendem de acordo com o certificado de depósito interbancário (CDI), que fica apenas um pouco abaixo da Selic. 

Então, quando a taxa de juros se eleva, o retorno do CDI também aumenta. Nesse cenário, a renda fixa se torna mais atraente para os investidores, já que há uma ampliação do retorno com riscos menores. 

Por outro lado, o mercado de ações é afetado negativamente. Além de a renda variável ficar menos atraente com as taxas mais altas na renda fixa, o impacto no consumo também se reflete nos resultados dos negócios. 

No caso da queda da Selic, o cenário é o contrário. A renda fixa fica menos interessante e o mercado de ações tende a sair ganhando. Afinal, o consumo é estimulado e o acesso ao crédito é mais fácil. 

Inflação 

A taxa de inflação também afeta os investimentos à medida que pode corroer a rentabilidade. Quanto maior for a expectativa de inflação, maior deverá ser o retorno dos investimentos, para que haja um ganho real. 

Além disso, o avanço da inflação pode levar a um aumento do custo produtivo e em cadeia, até chegar ao cliente final. Por isso, as empresas tendem a ser afetadas e o cenário econômico pode se deteriorar. 

PIB 

Os resultados do PIB afetam os investimentos por duas questões principais. A primeira é que um resultado positivo representa uma economia em crescimento, o que traz mais confiança para os negócios e para o mercado. 

Quando o crescimento fica abaixo do esperado ou mesmo quando há recessão, é comum que as famílias evitem se endividar, diminuindo o consumo. As empresas também lucram menos e contratam menos, o que afeta toda a economia. 

Além disso, o segundo fator é que um crescimento econômico costuma atrair recursos de investidores estrangeiros. O contrário tende a levar à retirada de recursos para outros países, enfraquecendo o cenário interno. 

Como conhecer e acompanhar o cenário econômico atual? 

Já que o cenário econômico atual pode gerar impactos na tomada de decisão do investimento, é essencial saber como acompanhá-lo. Para ter acesso a informações confiáveis e constantemente atualizadas, é interessante conferir o Relatório Focus. 

Ele é elaborado pelo Banco Central, que pesquisa junto a dezenas de instituições financeiras as expectativas de mercado para os principais indicadores. O documento é publicado semanalmente e traz projeções para os próximos meses e anos. 

Sua disponibilização é gratuita e atua como uma bússola para incorporar os efeitos dos indicadores econômicos no desempenho do mercado financeiro. 

Como definir onde investir? 

É preciso destacar que, embora conhecer e considerar os impactos do cenário atual nos investimentos seja importante, esse não é o único aspecto para montar o portfólio de investimentos. 

Além dos indicadores econômicos, é fundamental focar em características como o seu perfil de investidor, os objetivos financeiros, o prazo dos investimentos e o alinhamento com a sua estratégia. Afinal, suas escolhas devem refletir o que você busca. 

Com essas informações, você descobriu que o cenário econômico atual interfere na atratividade e nos resultados dos investimentos. Porém, embora seja importante acompanhar indicadores, viu também que é preciso investir de acordo com suas características pessoais! 

Para conferir novidades e informações relevantes do mercado, acompanhe nossas publicações no InstagramYoutubeLinkedInTwitter e Facebook

Comentários