Investidores que são obrigados a entregar a declaração de imposto de renda 2018 devem informar suas aplicações financeiras na declaração. Os títulos públicos negociados pelo Tesouro Direto não ficam de fora. Neste post, veremos como declarar Tesouro Direto no imposto de renda – IR.

Algumas regras de obrigatoriedade para entrega da declaração podem dizer respeito ao saldo e aos rendimentos em aplicações financeiras.

Estão obrigados a declarar contribuintes que tiveram, em 2018, rendimentos tributados exclusivamente na fonte em valor superior a 40 mil reais, ou bens em valor superior a 300 mil reais, o que inclui o saldo em aplicações financeiras.

Se uma dessas situações se aplica a você no Tesouro Direto, você é obrigado a entregar a declaração, mesmo que não se enquadre em outras regras de obrigatoriedade.

Veja mais:

Como declarar Tesouro Direto no Imposto de Renda?

A forma de declarar Tesouro Direto é a mesma de declarar outros títulos de renda fixa. Saldos superiores a 140 reais precisam ser informados na ficha de Bens e Direitos sob o código 45, referente a aplicações de renda fixa em geral.

No campo “Discriminação”, você terá que especificar o investimento que deseja declarar naquele item. No caso, títulos públicos negociados pelo Tesouro Direto. Informe também o nome da corretora, o número da conta e, se for conjunta, o nome e o CPF do co-titular. No campo CNPJ, informe o da instituição financeira.

Os campos “Situação em 31/12/2017” e “Situação em 31/12/2018” devem ser preenchidos com os valores discriminados no informe de rendimentos.

O investidor só aufere rendimentos com títulos públicos quando faz uma venda antecipada, quando ocorre o vencimento do papel ou quando recebe o pagamento de cupom (juros).

O informe dirá se você teve rendimentos com títulos públicos em 2018. Em caso positivo, eles devem ser informados na ficha Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva. O código apropriado é o 06, “Rendimentos de aplicações financeiras”.

Você deverá informar se os rendimentos são do titular da declaração ou de um dos dependentes. Declare também o nome do beneficiário, o CNPJ da instituição financeira pagadora e o valor recebido.

Saiba tudo sobre como declarar imposto de renda e baixe o Programa Gerador da Declaração (PGD).

abra sua conta

A Genial é a plataforma de investimentos que está democratizando o acesso aos melhores produtos do mercado, de forma simples, ágil e eficiente, através de uma assessoria financeira isenta, transparente e qualificada.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *