Macarena Onelink Baixe o App

Se você pretende investir em ações, é preciso buscar empresas alinhadas às suas expectativas, objetivos e perfil de investidor. No entanto, considerando que há um grande número de alternativas disponíveis no mercado acionário, é possível que você não saiba como escolhê-las.

Uma das estratégias utilizadas por investidores mais experientes é verificar a melhor opção dentro de um setor. Por exemplo, é possível que você tenha interesse em empresas de turismo na bolsa de valores. No entanto, antes de investir, é preciso entender se elas fazem sentido para a sua carteira.

Nesse contexto, nós, da Genial Investimentos, preparamos um conteúdo com 6 empresas do segmento de turismo que estão na bolsa de valores brasileira (B3). Confira!

Confira!

O que é a bolsa de valores?

Antes de explorar as companhias do segmento do turismo, vale a pena aprender o que é e como funciona a bolsa de valores.

No Brasil, a bolsa de valores também é conhecida como B3. Essa sigla significa Brasil, Bolsa, Balcão e o nome surgiu em 2017, após a fusão entre a BM&FBovespa com Central de Custódia e Liquidação Financeira de Títulos (Cetip).

De modo geral, a bolsa é um ambiente onde compradores e vendedores negociam valores mobiliários. Os ativos e derivativos são precificados conforme a lei da oferta e demanda e podem apresentar alta volatilidade.

Entre as oportunidades disponíveis, estão:

  • ações;
  • fundos imobiliários (FIIs);
  • opções;
  • contratos futuros;
  • fundos de índice (ETFs).

O que é o segmento de turismo na bolsa?

O próximo passo é conhecer o segmento do turismo, que é um dos principais setores que integra a economia de um país. Nele, estão incluídas as organizações relacionadas ao turismo de modo direto ou indireto. Entre elas, estão empresas de:

  • transporte;
  • hotelaria;
  • organização de eventos;
  • agências de viagens.

Considerado um dos mais importantes para a economia mundial, o turismo estava entre os setores com maior crescimento antes de ser afetado pela pandemia de covid-19, no início de 2020. Apenas para comparação, em 1999, a receita cambial turística brasileira era de US$ 1,6 bilhão. Já no ano de 2019, ela chegou a US$ 6 bilhões.

Contudo, com o avanço da crise sanitária e a adoção de medidas restritivas e lockdowns em vários países, o setor de turismo foi amplamente impactado. Na B3, muitas companhias ligadas a esse segmento tiveram quedas expressivas.

Por outro lado, houve o desenvolvimento e a aplicação das vacinas, bem como protocolos de segurança para viagens nacionais e internacionais foram implementados. Como resultado, estima-se que o setor apresente uma recuperação a partir de 2023.

Para quem investe, isso significa que existem chances de encontrar ações vendidas abaixo do preço que seria considerado justo. No caso de companhias com bons fundamentos, elas podem representar a chance de explorar uma eventual valorização dos papéis.

Portanto, quem deseja se expor ao setor visando aproveitar a sua retomada, deve atentar aos movimentos do mercado para encontrar as melhores oportunidades. Entre os passos necessários, vale a pena conhecer algumas companhias que atuam nesse segmento.

Cuidados a serem adotados

Além de conhecer o segmento, antes de investir em ações de empresas do setor do turismo é importante tomar alguns cuidados. Afinal, o mercado pode se comportar de modo diverso ao esperado e podem ocorrer prejuízos.

Nesse sentido, você precisará utilizar ferramentas como a análise fundamentalista para encontrar as companhias com maiores chances de recuperação. Com ela, você avalia os fundamentos da empresa e fica ciente de sua saúde financeira, a qualidade da gestão e as perspectivas de resultado.

Também faz sentido recorrer a estratégias como a diversificação. Ela consiste em distribuir seu capital de forma estratégica em investimentos com riscos diferentes, como alternativas que sejam descorrelacionadas. Desse modo, é possível mitigar parte dos riscos do seu portfólio.

6 Empresas de turismo na bolsa de valores brasileira

Após conferir o que é o setor do turismo e quais cuidados tomar antes de investir, chegou o momento de conhecer algumas empresas de turismo que estão na bolsa de valores brasileira.

Porém, vale lembrar que as opções apresentadas têm caráter apenas educacional, não se tratando de recomendação de investimentos.

Está preparado para conhecer 6 empreendimentos do setor? Veja quais são!

1. Azul

A Azul Linhas Aéreas Brasileiras é uma empresa nacional de aviação, com sede em São Paulo. Criada em 2008, a companhia começou as suas atividades focada em rotas regionais a partir do aeroporto de Viracopos (SP).

Em pouco tempo, a Azul conquistou um grande número de passageiros. Assim, ela expandiu as suas operações no território nacional e passou a oferecer rotas internacionais selecionadas, como Argentina, Estados Unidos, Portugal e Uruguai.

Em 2014, a Azul incorporou a Trip Linhas Aéreas e se tornou a terceira maior companhia em número de passageiros. Até junho de 2022, sua frota contava com mais de 140 aeronaves, com modelos nacionais da Embraer e internacionais da Airbus e da Avions de Transport Régional (ATR).

A abertura de capital da Azul aconteceu em 2017, em uma oferta pública inicial (IPO) que levantou cerca de R$ 643 milhões. Na ocasião, foram emitidas ações preferenciais sob o ticker AZUL4 e essas são ações que garantem a preferência no recebimento de dividendos.

2. CVC

Já a CVC Brasil Operadora e Agência de Viagens S.A está entre as maiores companhias de turismo no Brasil. Sua fundação ocorreu em 1972, em Santo André (SP) e inicialmente a empresa era voltada a excursões e viagens de ônibus.

Em 1981, a CVC começou a oferecer pacotes de viagens que incluíam o transporte aéreo. Com o sucesso alcançado, ela passou a fretar aeronaves exclusivas para o transporte de seus clientes em viagens nacionais e internacionais.

No final de 2009, cerca de 60% da organização foi adquirida pelo fundo norte-americano de private equity Carlyle. Em 2013, a CVC fez seu IPO, lançando ações ordinárias sob o ticker CVCB3. Esse tipo de ação garante o direito a voto nas decisões importantes da companhia.

3. Gol

Outra empresa que atua com transporte aéreo é a Gol Linhas Aéreas Inteligentes S.A. Criada em 2001, no Rio de Janeiro, ela está entre as maiores companhias de aviação do Brasil. Em junho de 2022, a empresa possuía mais de 120 aeronaves e realizava diferentes trajetos nacionais e internacionais.

A Gol também atua com logística, por meio da GAC Inc, além de possuir duas companhias de serviços financeiros (a GOL Finance e a GOL Finance Cayman). Ao longo de sua história, a empresa adquiriu a Varig e a Webjet, bem como firmou alianças com a Delta e a Air France — KLM.

Vale destacar que o negócio é listado na B3 desde 2004. O investidor que deseja comprar ações preferenciais da Gol deve negociar o ticker GOLL4. Ela também possui bônus de subscrição sob o código GOLL11. Nesse caso, cada bônus dá ao seu titular o direito de subscrever 1 ação preferencial da Gol, quando houver a emissão.

Depois de conhecer 3 ações de empresas de turismo que estão na bolsa de valores, você pode acompanhar as principais notícias e novidades sobre elas na nossa plataforma Genial Analisa.

Comentários