Se você pretende fazer operações além das aplicações de renda fixa, precisa entender as características da B3, a bolsa brasileira. Ela reúne alguns dos principais investimentos de renda variável — que podem ser negociados no horário de funcionamento da bolsa de valores. 

A B3 apresenta períodos específicos para a realização de determinadas operações. Por isso, conferir em quais horas você poderá emitir ordens de compra ou venda é essencial para se planejar melhor e alcançar seus objetivos. 

Considerando esses pontos, nós, da Genial Investimentos, separamos as informações que você precisa conhecer para saber quando a bolsa de valores funciona. Confira! 

Qual é o horário de funcionamento da bolsa de valores? 

Os horários de funcionamento da bolsa de valores podem variar ao longo do ano, em função de eventos como o horário de verão no Brasil ou nos Estados Unidos e feriados, como o Carnaval. Por isso, é fundamental acompanhar os avisos da B3, em relação aos períodos de funcionamento.  

Mas a tabela a seguir traz um resumo geral dos horários de negociação da bolsa de valores em julho de 2021: 

Mercado Pré-abertura  Negociação  Call de fechamento  After-market (cancelamento de ofertas)  After-market (negociação) 
Mercado à vista  9h45 a 10h  10h a 16h55  16h55 a 17h  17h25 a 17h30  17h30 a 18h 
Fracionário  9h45 a 10h  10h a 16h55  16h55 a 17h  17h25 a 17h30  17h30 a 18h 
Mercado a termo  –  10h a 17h25  –  –  – 
Mercado de opções  9h45 a 10h  10h a 16h55  16h55 a 17h15  –  – 
Bovespa Mais  9h45 a 10h  10h a 16h55  16h55 a 17h  17h28 a 17h30  – 
ETFs  9h45 a 10h  10h a 16h55  16h55 a 17h15  17h25 a 17h30  – 
Mercado de balcão organizado (todos os ativos)  9h45 a 10h  10h a 16h55  16h55 a 17h  17h25 a 17h30  – 
Opções sobre índices de ações  9h45 a 10h  10h a 16h50  16h50 a 17h15  –  – 
Fonte: site da B3

Quais são os diferentes períodos de negociação na bolsa de valores? 

Para conhecer os horários de funcionamento da B3, também é necessário compreender os períodos antes e após as negociações. Eles podem interferir na sua estratégia e, por isso, devem ser considerados. 

Na sequência, veja quais são os períodos que merecem a sua atenção, indo além do típico horário das 10h às 17h! 

Call de abertura 

Nos 15 minutos que antecedem a abertura do pregão ocorre o chamado leilão de pré-abertura do mercado. É nessa fase em que há a formação dos preços de abertura dos ativos. 

Das 9h45 às 10h, o sistema da bolsa aceita o registro de ofertas de compra e venda, mas sem concretizar o negócio, de fato. Assim, quando o pregão começa, as ofertas podem ou não ser atendidas. 

Vale destacar que quem opera via home broker pode enviar ordens de compra e venda a qualquer momento, mesmo fora dos horários de negociação. Quando isso ocorre, essas ordens se tornam registros de ofertas no leilão de pré-abertura seguinte. 

Call de fechamento 

O call de fechamento corresponde aos cinco minutos finais do pregão. É nesse período que são definidos os preços de fechamento das ações que compõem os índices da bolsa ou que tiveram oscilações atípicas durante o dia. 

Para ações nos mercados à vista, fracionário, de balcão e no Bovespa Mais, além da negociação de fundos imobiliários, ele ocorre das 16h55 às 17h. Já no caso dos ETFs e do mercado de opções, o call de fechamento ultrapassa um pouco o horário padrão, indo de 16h55 às 17h15. 

Operação 

Como você viu pela tabela apresentada, o mercado à vista, o mercado fracionário, o Bovespa Mais, o mercado de balcão e os ETFs têm o mesmo período de negociação. Ele segue das 10h às 16h55, quando começa o call de fechamento. 

Por sua vez, o mercado a termo tem um horário de funcionamento diferente. Nele, o pregão ocorre de 10h às 17h25, sem pré-abertura ou call de fechamento. 

After-market 

Já os mercados à vista e fracionário contam com um período de negociação extra, chamado de after-market. Contudo, é uma fase que apresenta limitações. Ele oferece uma chance de investir àqueles que não conseguem acompanhar o pregão durante o dia. 

Também pode ser utilizado por quem deseja fazer ajustes que não conseguiu realizar durante o pregão normal. Mas nesse período só podem ser negociadas ações que componham o Ibovespa e outros índices específicos — como o IBrX-100, e que tenham sido negociadas durante o pregão do mesmo dia de referência. 

Além disso, o preço de um ativo negociado no after-market não pode oscilar mais do que 2% para cima ou para baixo em relação ao seu preço de fechamento do dia. Por fim, não é possível operar mais que R$ 100 mil por CPF no after-market. 

A negociação do after-market pode ir de 17h30 às 18 horas. Nos cinco minutos que o antecedem (das 17h25 às 17h30), existe a oportunidade de cancelar ordens que foram realizadas durante o pregão regular. 

Contudo, esse período de cancelamento antes do after-market não existe no mercado a termo, no mercado de opções ou nas opções sobre índice de ações. 

Qual é o melhor horário para operar na bolsa de valores? 

Como você viu, a B3 tem diversos horários de operação, dependendo do mercado e do tipo de negociação a ser realizada. Por isso, não existe um horário ideal e que sirva para todos os operadores. 

O melhor horário para negociar no home broker ao investir na bolsa de valores ou ao especular será aquele que se encaixar em sua estratégia e em sua rotina. 

Dependendo da sua capacidade de acompanhamento do mercado, por exemplo, pode fazer mais sentido operar no after-market ou com foco na composição para o call de abertura. 

Porém, é preciso lembrar que uma parte do período de operação fica fora do expediente bancário. Então quem deseja emitir ordem de compra e venda de ações, por exemplo, deve ponderar os considerar para uma potencial compensação bancária. 

Agora que você conhece o horário da bolsa de valores é possível se planejar melhor para executar as operações. Lembre-se de que ativos e derivativos, bem como diferentes mercados, têm horários distintos. E também não se esqueça de ponderar sobre o expediente bancário, combinado? 

Para ter informações completas sobre como operar na bolsa, descubra como realizar operações no home broker!

Comentários