CDB 220% do CDI com liquidez diária.

Nos últimos anos, a Letra de Crédito do Agronegócio (LCA) e a Letra de Crédito Imobiliário (LCI) têm se tornado cada vez mais populares entre investidores, especialmente por uma vantagem: a isenção de Imposto de Renda (IR) sobre os rendimentos.

Por serem ativos de renda fixa esses títulos também oferecem maior segurança quando o investimento for até R$ 250.000,00 — outro fator atraente ao investidor, especialmente os mais conservadores. Contudo, apesar dessas vantagens, é preciso conhecer outras características e os pormenores desse tipo de ativo.

Neste artigo, vamos focar em como funciona o investimento em LCA, o que considerar ao escolher um título para aplicar e como investir em LCA na prática. Acompanhe o conteúdo até o final e boa leitura.

Como aplicar em LCA?

Primeiramente é preciso analisar as opções para escolher a LCA que melhor corresponde aos seus objetivos.

Tais títulos são ofertados por bancos e corretoras financeiras, que os emitem e vendem aos interessados. Ao comprar uma LCA, o investidor empresta dinheiro à instituição, que usa o valor para financiar diversas atividades do agronegócio. Assim, o seu dinheiro pode ser utilizado em operações em todas as regiões do Brasil para aquecer o setor. Conheça a seguir alguns pontos importantes para entender melhor sobre os investimentos em LCA.

Rentabilidade

Hoje há três tipos diferentes de LCA considerando a rentabilidade. Antes de optar por uma boa LCA, você precisa escolher qual variação é a melhor para você. Confira as características delas a seguir.

  • Prefixado: nesta modalidade, a taxa de rendimento é fixa e estabelecida desde o momento da compra. Assim, o investidor já sabe o valor que vai receber de retorno no vencimento desde o começo do contrato;
  • Pós-fixado: no pós-fixado, o investidor só sabe o valor que receberá de retorno no fim do contrato, pois o rendimento nesta modalidade está ligado a um índice de correção monetária, como a taxa Selic, que é variável;
  • Híbrido: esta modalidade tem uma parte da rentabilidade prefixada e outra pós-fixada. É possível, portanto, saber de antemão apenas parte do valor que será retornado ao investidor. Além disso, a LCA híbrida geralmente tem um limite mínimo de três anos antes do retorno financeiro, sendo uma opção desvantajosa para quem precisa do dinheiro em prazo mais curto.

Como já foi dito, uma vantagem da LCA é o retorno maior, quando comparado a outros ativos de renda fixa, como CDB ou investimento em Letras de Câmbio. De fato, esse ativo apresenta uma maior taxa de juros. Contudo, por não serem isentos de tributos, como a Letra de Crédito, a rentabilidade líquida do CDB acaba sendo inferior.

Liquidez

A liquidez é a possibilidade de converter um ativo financeiro em dinheiro, e esta é uma das poucas desvantagens do investimento em LCA. Isso porque a Letra de Crédito apresenta liquidez restrita, ou seja, é mais difícil de resgatar o valor investido.

Na LCA, portanto, o dinheiro aplicado fica retido até a data de vencimento e há um prazo para a efetivação do saque. Entretanto, em certas situações é possível realizar um resgate antecipado da LCA, ainda que com algumas condições.

Risco de aplicação

Ainda que seja mais segura, por se tratar de investimentos de renda fixa, a aplicação em LCA também apresenta riscos. Caso a instituição que ofereceu o título vá a falência, por exemplo, ela não conseguirá efetuar o retorno do investimento.

Por outro lado, o LCA tem a garantia do Fundo Garantidor de Créditos (FGC), que, em casos como o exemplificado, cobre o crédito da aplicação. No entanto, há um limite de R$ 250 mil por CPF e por instituição financeira. Assim, caso o investimento inicial ultrapasse esse valor, infelizmente ele será perdido.

Tributação e taxas

Independentemente do rendimento da aplicação, a LCA não tem incidência do Imposto de Renda. Para a maior parte dos ativos de renda fixa, os tributos são descontados no momento do ganho sobre o lucro obtido e seguindo a tabela regressiva do Imposto de Renda:

  • 22,5% sobre o lucro para aplicação com vencimento em até 180 dias;
  • 20,0% sobre o lucro para vencimentos entre 181 e 360 dias;
  • 17,5% sobre o lucro para vencimentos entre 361 e 720 dias;
  • 15,0% sobre o lucro para vencimentos acima de 720 dias.

Agora que você entendeu as características da LCA e como funciona o investimento nessa letra de crédito confira como escolher uma boa aplicação.

Como escolher uma boa LCA?

Em primeiro lugar é preciso que a LCA corresponda aos seus objetivos de investimento. É preciso analisar o seu perfil de investidor e as características de cada título — como os prazos de saque e a sua tolerância a riscos antes de definir o valor a ser aplicado.

Para não ficar refém da incerteza, é importante pesquisar a situação financeira da instituição emissora, observando informações como endividamento, históricos de problemas e crescimento da organização. A Genial Investimentos atende mais de 300 mil clientes, possui mais de 40 bilhões de ativos e 200 escritórios credenciados.

Com tudo isso em mente é hora de aprender a realizar seu primeiro investimento em LCA.

Como investir em LCA na prática?

Veja o passo a passo a seguir e não erre na hora de investir em Letra de Crédito do Agronegócio.

Defina seus objetivos

O investimento “por instinto” pode até funcionar para alguns, mas a verdade é que todo investimento precisa de um bom planejamento.

Nesse sentido, o primeiro passo é definir seu objetivo — especificando informações como o perfil de investidor, o prazo que deseja para o resgate e a sua finalidade como investidor. Assim, é possível identificar facilmente o melhor título para você.

Escolha um banco ou corretora autorizada

Banco ou corretora, qual a mais indicada? Os primeiros costumam vender apenas produtos próprios, isto é, Letras de Crédito emitidas pela própria organização. As corretoras, por outro lado, reúnem LCAs de diferentes bancos, aumentando a chance de encontrar a melhor opção para você.

Estude as opções disponíveis

Como você viu, as LCAs podem ser de três tipos diferentes. É importante, então, comparar as condições de cada uma e escolher a que melhor corresponda aos seus objetivos — e que ofereça um retorno melhor.

Compre seu título

Depois de estudar as opções e escolher o seu título é hora de efetuar a compra. Após realizar uma transferência simples para sua conta na plataforma da corretora basta selecionar o título e efetuar o pagamento. Todo o processo é feito virtualmente e em cerca de segundos.

Acompanhe seus resultados

Não pense que acabou. Após efetivar a compra é muito importante acompanhar de perto os resultados, pois além de aprender mais sobre o mercado de investimentos você confere se o seu planejamento é eficiente.

A Genial Investimentos é uma plataforma 100% digital e tem como objetivo facilitar sua entrada no mercado financeiro. Acha que está pronto para se tornar um investidor? Então abra sua conta agora mesmo de forma simples, rápida e sem custos.

Comentários