A Nike é uma marca mundialmente famosa por produzir artigos esportivos e estar relacionada a celebridades dos esportes, como Cristiano Ronaldo, Michael Jordan e LeBron James. Por trás do sucesso da empresa está Phil Knight, cofundador e ex-CEO, considerado um empresário visionário.  

Knight ainda tem outros empreendimentos importantes e uma trajetória de erros e acertos que pode conter muitas lições para quem pretende alcançar bons resultados no mercado. Por esse motivo, é válido saber mais da história dessa personalidade. 

Phil Knight é ex-CEO e cofundador da Nike, uma das maiores empresas de artigos esportivos do mundo. Ele iniciou a sua trajetória como vendedor ambulante e alcançou a fortuna.  

Infográfico do Phil Knight

[INFOGRÁFICO] Phil Knight: tudo sobre o ex-CEO da Nike 

Conheça a história desse empreendedor! 

Vida universitária 

Knight iniciou a sua vida universitária no curso de jornalismo na Universidade de Oregon. Ele realizou outras graduações e um MBA na Stanford Graduate School of Business. 

Carreira de atleta 

Desde a época da universidade, Knight sonhava em ser um atleta de sucesso. Ele foi corredor de meia-distância, treinado por Bill Bowerman, mas não tinha grandes habilidades nos esportes. 

Início da jornada empreendedora 

Apesar de não ser um bom atleta, Knight tinha visão para o ramo esportivo. Assim, ele iniciou um negócio de importação de tênis de corrida japoneses, vendendo os calçados no porta-malas do carro. 

Criação da Nike 

O empreendimento de importação cresceu e ele fundou, em parceria com o seu ex-técnico, a BRS. Depois, eles iniciaram produção própria de calçados e alteraram o nome do negócio para Nike. 

Parcerias de sucesso 

A Nike adquiriu novas marcas e estabeleceu parcerias com celebridades do meio esportivo. A mais expressiva foi com o jogador de basquete Michael Jordan, que resultou na famosa linha Air Jordan

Aquisição do Laika Entertainment 

Knight também investiu no mercado cinematográfico, ao adquirir a Will Vinton Studios. A empresa mudou o nome para Laika Entertainment, lançando sucessos como “Coraline” e “ParaNorman”. 

Aposentadoria 

Em 2016, Phil Knight anunciou a sua aposentadoria, após 52 anos de dedicação à Nike. No mesmo ano ele lançou o livro autobiográfico intitulado “A Marca da Vitória”. 

Curiosidade: Você sabia que Phil Knight foi interpretado pelo ator Ben Affleck nos cinemas? O filme “Air — A História por Trás do Logo”, teve como base a autobiografia do empreendedor.  

Phil Knight alcançou o sucesso como empreendedor e, nessa jornada, sua visão dos negócios foi responsável pela criação da Nike, uma das maiores empresas do segmento. Assim, a trajetória dele pode inspirar quem deseja empreender. 

Conheça Phil Knight, o fundador da Nike 

Philip Hampson Knight, ou apenas Phil Knight, nasceu em 24 de fevereiro de 1938 em Portland, cidade em Oregon, Estados Unidos. Ele é mundialmente conhecido por ser o cofundador e ex-CEO da Nike, a empresa de calçados e roupas com foco no segmento esportivo. 

A marca fundada por Knight, em parceria com Bill Bowerman, chegou a ser considerada a mais valiosa do mundo no segmento de vestuário, em 2016. Assim, o empresário mantém uma história de sucesso tanto com a Nike quanto em outros negócios que ganharam fama mundial. 

Saiba mais sobre sua trajetória 

Phil Knight teve uma trajetória profissional intimamente relacionada aos esportes. O empresário se formou em jornalismo pela Universidade de Oregon, onde trabalhou como repórter esportivo do jornal universitário Oregon Daily Emerald. 

Nessa época, Knight sonhava em ser um atleta mundialmente reconhecido — enquanto era universitário, ele também foi corredor de meia-distância. No time de atletismo do qual participava, o seu treinador era Bill Bowerman. 

O técnico de Knight gostava do ramo dos calçados de corrida e aprendeu técnicas de sapataria com um profissional local para aprimorar os seus próprios tênis. Ele também fazia alguns reparos nos acessórios de seus atletas. 

Apesar da dedicação, Knight não conseguia se destacar no esporte universitário. Desse modo, ele precisou buscar outros caminhos para ter sucesso no segmento que gostava de atuar. 

Após concluir os estudos, Knight serviu ao exército dos Estados Unidos por aproximadamente um ano, além de ter permanecido na reserva por alguns anos seguintes. Phil Knight também fez o MBA na Stanford Graduate School of Business, além de ter realizado outros cursos na área de negócios. Desse modo, ele aprimorou os seus conhecimentos sobre mercado e empreendedorismo. 

Veja como Phil Knight fundou a Nike 

Como você viu, Knight era muito ligado aos esportes. No entanto, ele se incomodava com o mercado do segmento. Uma das suas críticas era o domínio da Adidas no oferecimento de tênis para corridas. Então, em uma viagem ao Japão, ele ficou surpreso com a tecnologia usada na produção de calçados. 

Essa passagem pelo continente asiático foi fundamental para a fundação da Nike, já que ele identificou na oferta de tênis japoneses uma oportunidade de empreender. Knight pegou US$ 50 emprestados com o pai e começou um negócio de importação de tênis do Japão. 

No início, a venda acontecia sem um espaço físico próprio. Knight vendia os calçados no porta-malas de seu carro. Em 1963, ele arrecadou US$ 8 mil com as vendas, com menos de um ano de atividades. Após isso, o empreendedor firmou um acordo com a marca Onitsuka Tiger e importou para o ocidente os tênis de alta qualidade, por preços mais acessíveis. 

Escolha do nome e logomarca 

A princípio, a empresa se chamava Blue Ribbon Sports (BRS). Ainda no início do negócio, o técnico do time de atletismo de Knight na universidade, Bill Bowerman, tornou-se sócio do seu ex-atleta. Anos mais tarde, o nome da companhia passou a ser Nike. 

A escolha do novo nome foi inspirada na deusa grega de mesmo nome, que representa a força, a velocidade e a vitória. Sua imagem é a de uma mulher alada, que está ao lado dos atletas e guerreiros para garantir o resultado positivo deles. 

A logomarca da Nike, reconhecida mundialmente, foi desenhada por Carolyn Davidson e comprada pelos empresários por US$ 35. O símbolo — “The Swoosh” — teve como proposta representar a velocidade e as asas da deusa homenageada, demonstrando o ímpeto de chegar ao topo. 

Naquele momento, a Nike enfrentou dificuldades após ser processada pela BRS por adaptar os seus tênis e comercializá-los com a própria marca. Assim, os empresários optaram por desenvolver uma linha de calçados, com base nos conhecimentos das necessidades esportivas acumulados pelos fundadores. 

Outro ponto importante para o fortalecimento publicitário da Nike foi a criação do slogan “Just do it!”, de autoria de Dan Wieden. A frase pode ser traduzida como “Apenas Faça!”. Essa campanha é considerada uma das mais bem-sucedidas da história.  

Expansão mundial 

Com a visão empreendedora de Phil Knight associada aos conhecimentos técnicos de Bill Bowerman, a Nike começou a se expandir pelo mundo. As estratégias de marketing sempre foram fortes e a companhia passou a ser reconhecida por oferecer produtos de alta qualidade e tecnologia. 

Em 1978, a Nike se tornou Nike, Inc., quando começou a comprar outras marcas, como a Cole Haan, Bauer Hockey, Hurley e Converse. A empresa também iniciou a produção de roupas esportivas, ampliando ainda mais o seu portfólio. 

A marca cresceu e estabeleceu parcerias com celebridades, especialmente ligadas aos esportes, o que ajudou a tornar a empresa mais forte com o público. Um dos principais sucessos da Nike foi a linha Air Jordan, feita com o ex-jogador de basquete Michael Jordan. 

Abertura de capital da empresa 

Em 1980, a Nike, Inc. abriu o seu capital na bolsa de valores. O patrimônio de Knight em ações na estreia da companhia era de US$ 178 milhões. A empresa seguiu investindo no próprio crescimento, ampliando a sua cartela de produtos e fazendo aquisições de novas marcas. 

Em 2016, a Nike foi considerada a marca de roupas mais valiosa do mundo, de acordo com o ranking BrandZ da consultoria Millward Brown. Naquele ano, ela estava avaliada em mais de US$ 37 bilhões. 

Saída da Nike 

Em 2016, com 78 anos, Phil Knight anunciou a sua aposentadoria. Naquele ano, ele deixou o cargo de presidente do conselho de administração da Nike, após 52 anos de dedicação para construir um império. 

No mesmo ano, o fundador da Nike lançou o seu livro autobiográfico intitulado “A Marca da Vitória”. Na obra, ele conta a sua história como mochileiro, além das dificuldades e inspirações de sua trajetória nos empreendimentos. 

O bilionário conta em detalhes sobre os riscos, golpes de sorte e estratégias como empreendedor. A obra se tornou sucesso de vendas e foi citada como destaque no quesito biografia por Rich Karlgaard, da Forbes. Ele também entrou para a lista de livros favoritos do ano de 2016 por Bill Gates. 

Projetos de Phil Knight além da Nike 

A Nike certamente foi a maior conquista de Phil Knight. No entanto, o bilionário também investiu em outros empreendimentos. Entre eles, cabe destacar a compra de 15% das ações do Will Vinton Studios, em 1998. Depois, o executivo adquiriu a empresa, que enfrentava problemas financeiros. 

Um dos fatores que levaram Knight a adquirir o negócio foi o trabalho de seu filho, Travis Knight, como cineasta e animador. A família mudou o nome da Will Vinton Studios para Laika Entertainment.  

A companhia de animação stop-motion é especializada em longas-metragens, mas também produz conteúdo comercial multimídia e curtas. Inclusive, ela é responsável por sucessos como “Coraline”, “ParaNorman”, “The Boxtrolls” e “Kubo and the Two Strings”.  

A empresa já sinalizou o interesse em ampliar a sua produção de longas, com o objetivo de lançar um filme por ano.  

Filantropia 

Phil Knight também é reconhecido por sua participação ativa em projetos de caridade. Nesse contexto, é pertinente mencionar que em abril de 2022 ele doou US$ 75 milhões à Universidade de Stanford para apoiar uma pesquisa científica realizada pela instituição. 

O trabalho é um esforço multidisciplinar que tem o objetivo de compreender a resiliência cerebral e condições neurodegenerativas, como Alzheimer e Parkinson. 

O empreendedor também doou uma quantia milionária para a universidade como incentivo a um projeto multidisciplinar de liderança, que ofereceu bolsas de três anos a estudantes.  

Outras doações foram feitas ao OHSU Cancer Institute e Catlin Gabel School. Knight ainda injetou dinheiro em projetos da Universidade de Oregon. 

Filme sobre Phil Knight 

A trajetória de sucesso de Phil Knight contada por ele mesmo em entrevistas e em seu livro autobiográfico que serviu de inspiração para a produção de um filme. O longa-metragem recebeu o título de “Air — A História por Trás do Logo”. 

O ex-CEO da Nike é interpretado por Ben Affleck, que também assume o papel de diretor. Ademais, o elenco conta com nomes como Viola Davis, Matt Damon e Jason Bateman. 

A produção demonstra o momento em que a Nike se encontrava com as vendas em baixa e assumiu a parceria com Michael Jordan, enquanto ele ainda era um jovem atleta. Esse foi um ponto de virada para ambos. Knight se emocionou ao ver o resultado do trabalho da equipe.  

Lições que a história de Phil Knight ensina aos empreendedores 

A trajetória de grandes personalidades, como a de Knight, pode inspirar muitos empreendedores em seus próprios negócios. A partir de histórias reais de sucesso, é possível entender mais sobre os desafios e oportunidades oferecidas pelo mercado. 

Veja algumas lições que podem ser aprendidas com o ex-CEO da Nike! 

A trajetória nos negócios também tem perdas 

Apesar de a Nike ser reconhecida como uma gigante mundial do vestuário esportivo, a marca nem sempre viveu momentos de sucesso. Ela enfrentou baixas e crises, que foram essenciais para o seu crescimento. 

É interessante conhecer os momentos de superação e aprender com eles para lidar com as adversidades. A empresa ficou atrás de grandes marcas do segmento, teve problemas judiciais com fornecedores e precisou se reinventar diversas vezes. 

As dificuldades foram importantes para que a Nike aprimorasse os seus produtos e a forma de se posicionar no mercado, até a empresa conseguir encontrar o caminho certo para se destacar. Assim, os momentos desafiadores podem ser oportunidades de crescer, desde que as lideranças consigam gerenciar os problemas. 

É preciso entender as suas habilidades 

Como você viu, enquanto era universitário, Phil Knight almejava ter sucesso na carreira de atleta. No entanto, as suas habilidades não eram suficientes para alcançar esse objetivo. Então ele entendeu que poderia ter mais destaque atuando nos negócios. 

Knight não abandonou a sua paixão pelos esportes, ele aprendeu a utilizar as suas competências dentro desse universo. Nesse sentido, os conhecimentos que ele obteve como atleta foram úteis para se destacar enquanto empreendedor. 

Em vez de persistir em uma área na qual não se dava bem, o fundador da Nike se dedicou a aprimorar o que ele realmente fazia de melhor: inovação no mercado. 

Parcerias são fundamentais para o sucesso 

Um dos pilares do crescimento da Nike foi a sua capacidade de realizar boas parcerias. Isso aconteceu desde a sua fundação, quando Knight e Bowerman se tornaram sócios. As conexões se consolidaram a partir das relações com atletas e aquisição de outras marcas.  

Essa é uma lição para quem deseja alcançar bons resultados no mercado. Estabelecer boas ligações pode ser um diferencial para impulsionar a marca, alcançar novos públicos, transmitir credibilidade e fazer a empresa crescer. 

Genial Investimentos - Abra sua conta

Fortuna total de Phil Knight 

Após conhecer mais sobre a história de sucesso nos empreendimentos de Phil Knight, você pode estar se perguntando qual é o valor da sua fortuna, certo? O patrimônio do empresário em 2023 estava avaliado pela Forbes em US$ 45,1 bilhões. 

Naquele momento, a Nike era considerada a 13ª empresa mais valiosa do mundo. Já o bilionário Knight era considerado a 25ª pessoa mais rica do planeta. 

Gostou de saber mais sobre Phil Knight e sua trajetória nos empreendimentos? O ex-CEO da Nike iniciou a sua carreira como vendedor ambulante de tênis e fundou uma das maiores empresas de artigos esportivos do mundo. Suas experiências podem contribuir para quem deseja se destacar nos negócios. 

Continue aprendendo mais sobre o que as personalidades bem-sucedidas têm a ensinar com a sua história! Confira as 12 lições sobre o jeito Warren Buffett de investir!

Gostou de saber mais sobre Phil Knight? Então compartilhe este conteúdo em suas redes sociais e mostre para os seus amigos! 

Genial Investimentos

Somos uma plataforma de investimentos que tem como objetivo facilitar o acesso ao mercado financeiro e ampliar a educação financeira no Brasil.

Ver todos os artigos
Campanha Institucional - Ativação - Abra sua conta

Navegação rápida

O link do artigo foi copiado!