Ao investir no mercado de ações, é fundamental contar com ferramentas que ajudem a embasar as decisões de investimento. Assim, é possível fazer escolhas mais conscientes e que se encaixem melhor em sua estratégia.

Nesse contexto, o preço-alvo surge como uma métrica importante, pois ele atua como um guia que pode ajudar na análise de ações. Por essa razão, vale a pena entender o que é essa estimativa e como ela é calculada.

Neste post, você compreenderá os diversos aspectos que envolvem o preço-alvo e a sua utilização, principalmente, para as operações de renda variável.

Vamos lá?

O que é preço-alvo?

No contexto do mercado de ações, o preço-alvo é um valor estimado que representa a cotação esperada de determinado papel em um período futuro. Portanto, ele é uma projeção feita por analistas de mercado e outros profissionais considerando fatores como fundamentos da empresa, perspectivas do setor, análise técnica e indicadores econômicos.

Também chamada de “target-price”, essa estimativa visa fornecer aos investidores uma referência para avaliar o potencial de valorização ou desvalorização de uma ação em relação ao seu preço atual. Dessa forma, o preço-alvo é utilizado como uma ferramenta na tomada de decisão de investimento.

Para que serve a análise do preço-alvo?

Como você viu, o preço-alvo serve como uma referência no mercado de ações. Dessa maneira, os investidores podem compará-lo com o preço de mercado atual.

Então é possível avaliar se a ação está subvalorizada, quando o preço-alvo é maior que o preço atual, ou sobrevalorizada, quando ele é menor que a cotação atual. Essa análise pode ajudar os investidores a identificarem oportunidades de compra ou venda.

Suponha que o preço-alvo de uma ação esteja significativamente acima do seu preço de mercado atual. Isso pode indicar um potencial de valorização e atrair investidores interessados em obter lucros futuros.

Por outro lado, se o indicador estiver abaixo do preço atual, o cenário pode sinalizar uma possível desvalorização do ativo. Ao reconhecer esse movimento, investidores podem considerar a venda da ação.

Ademais, o preço-alvo pode ser usado como um parâmetro para definir estratégias de investimento. Por exemplo, um investidor que busca ações subvalorizadas pode procurar aquelas cujo target price esteja acima do preço atual.

Já um investidor que busca ações com potencial de crescimento a longo prazo pode buscar papéis que indiquem uma valorização consistente ao longo do tempo a partir da avaliação do  indicador.

Entretanto, é importante ressaltar que o target price não é uma garantia de retorno ou um indicador absoluto. Afinal, ele é baseado em projeções e estimativas, sujeitas a incertezas e riscos.

Lembre-se de que as condições econômicas, os eventos imprevistos, as mudanças no ambiente de negócios e outros fatores podem afetar o desempenho real das ações.

Portanto, o preço-alvo deve ser considerado um indicador complementar. Ou seja, ele deve ser combinado com outras análises e informações disponíveis para uma tomada de decisão mais informada e precisa.

Como o preço-alvo é calculado?

Após entender para que serve o preço-alvo, você pode ter curiosidade em saber como esse índice é calculado. Na prática, target price envolve uma análise detalhada da empresa e do mercado em que ela atua.

Além disso, existem dois principais métodos para encontrar o preço-alvo. Veja!

Método do fluxo de caixa descontado

O método do fluxo de caixa descontado (FCD) considera os fluxos de caixa futuros que a empresa espera gerar, descontando a taxa apropriada. Confira os passos básicos para calcular o preço-alvo usando essa técnica são!

Projeção dos fluxos de caixa futuros

Os analistas estimam os fluxos de caixa futuros da empresa ao longo de um período determinado. Geralmente, eles usam projeções financeiras, considerando fatores como receitas, custos, investimentos e impostos.

Determinação da taxa de desconto

A taxa de desconto reflete o custo de oportunidade do capital investido e o risco associado à empresa. Ela pode ser baseada na taxa livre de risco, como os títulos do Governo, adicionada a um prêmio de risco adequado ao perfil da empresa e ao setor em que ela atua.

Cálculo do valor presente

Os fluxos de caixa futuros são descontados para o valor presente usando a taxa de desconto determinada. Essa etapa considera o valor do dinheiro ao longo do tempo, atribuindo um peso maior aos fluxos de caixa mais próximos e um peso menor aos fluxos de caixa mais distantes.

Obtenção do preço-alvo

O valor presente dos fluxos de caixa futuros é somado para obter o valor estimado da empresa. Esse número é então dividido pela quantidade de papéis em circulação para obter o preço-alvo por ação.

Análise comparativa

Aqui, os analistas comparam a empresa com outras companhias do mesmo setor ou com características semelhantes. Isso é feito a partir dos múltiplos de mercado.

Para obter essa análise, é preciso:

  • seleção de empresas comparáveis: os analistas identificam companhias do mesmo nicho ou com características parecidas à empresa em análise;
  • coleta de dados financeiros: são captadas informações relevantes para as empresas comparáveis, como receitas, lucros, margens, crescimento, entre outras;
  • cálculo de múltiplos de mercado: os analistas calculam os múltiplos de mercado com base nos dados coletados, como o preço/lucro (PL) ou o valor patrimonial por ação (VPA).
  • aplicação dos múltiplos à empresa em análise: os múltiplos obtidos são aplicados à empresa em análise, considerando as diferenças e características específicas;
  • estabelecimento do preço-alvo: com base nas avaliações obtidas por meio da análise comparativa, é determinado o target price da empresa.

Vale ressaltar que o cálculo requer habilidades analíticas, conhecimento do setor, experiência e acesso a dados confiáveis. Também é preciso observar as limitações inerentes aos métodos utilizados, como a dependência de projeções futuras e a sensibilidade às suposições feitas durante o processo de cálculo.

Qual é a importância do preço-alvo para o investidor?

Agora que você já sabe como é calculado o preço-alvo, é o momento de descobrir por que é importante observar esse indicador.  Ao analisar a projeção, os investidores têm acesso a informações que os ajudam a compreender melhor o valor intrínseco de uma empresa.

Assim, em vez de depender apenas de especulações ou opiniões subjetivas, o target price oferece uma avaliação baseada em análises e projeções financeiras. Consequentemente, ao conhecer o preço-alvo de uma ação, é possível tomar decisões mais racionais e fundamentadas.

Essa informação adicional ajuda a evitar decisões impulsivas ou emocionais, que podem ser influenciadas pelo comportamento do mercado ou por tendências passageiras. Em vez disso, os investidores podem usar o preço-alvo como uma referência para embasar suas escolhas.

Ademais, ao considerar o indicador projetado para determinado período, os investidores podem adotar uma perspectiva mais estratégica e paciente em relação aos seus investimentos. A medida ajuda a evitar a realização de transações frequentes ou de buscar retornos imediatos, permitindo uma abordagem mais consistente.

Quais são as vantagens do preço-alvo para as tomadas de decisão?

Como você viu, considerar o preço-alvo pode ser uma estratégia interessante para o investidor. Essa estimativa apresenta uma série de vantagens no momento de compor o portfólio.

Conheça esses benefícios!

Identificação de oportunidades

O conhecimento do preço-alvo pode ajudar os investidores a identificar oportunidades de investimento. Se ele indicar uma valorização significativa em relação ao preço atual, isso costuma sugerir uma oportunidade de compra, pois a ação tende a apresentar crescimento futuro.

Da mesma forma, se o resultado indicar uma desvalorização, os investidores podem considerar a venda de ações.

Ajuste de estratégias de investimento

O preço-alvo também pode auxiliar os investidores na definição de suas estratégias de investimento. Com base nele, é possível determinar o horizonte de alocação adequado para atingir seus objetivos financeiros.

Por exemplo, caso o indicador demonstre um crescimento gradual em um horizonte maior, os investidores podem optar por adotar uma estratégia de investimento de longo prazo. Já um target price indicando uma valorização significativa em um curto período pode incentivar uma operação mais arrojada.

Alinhamento com metas e tolerância ao risco

O preço-alvo permite que os investidores alinhem suas decisões de investimento com suas metas financeiras e tolerância ao risco. Com base nele, é possível avaliar se uma ação oferece um potencial de retorno adequado em relação ao risco envolvido.

Isso permite uma tomada de decisão mais informada e alinhada com a situação financeira pessoal e objetivos de investimento.

Quais são as desvantagens de usar o preço-alvo?

Para entender se vale a pena utilizar um índice na tomada de decisão, além de saber as vantagens é fundamental compreender as desvantagens dele. Primeiramente, é preciso ter em mente que o preço-alvo é baseado em projeções.

Afinal, ao calcular o índice, são feitas projeções financeiras da empresa e análises de condições do mercado, além da avaliação de outros fatores relevantes. No entanto, essas estimativas estão sujeitas a erros e podem não se concretizar conforme o esperado.

Ainda, as previsões são feitas com base em informações disponíveis no momento da análise, o que pode não refletir totalmente as condições futuras. Há fatores que podem afetar o desempenho real das ações de forma significativa, tornando as projeções do preço-alvo imprecisas ou inválidas.

Outro ponto é que existem diversas abordagens e metodologias para calcular o target price, e diferentes analistas podem utilizar métodos distintos. Portanto, é comum que surjam resultados variados e até mesmo conflitantes — o que costuma dificultar a decisão do investidor.

Ademais, é válido reconhecer as limitações da análise histórica. Embora o preço-alvo considere o desempenho passado da empresa, é preciso lembrar que ele não garante resultados futuros. Então o indicador pode não refletir, de fato, a performance do negócio no futuro.

Quais são os cuidados a tomar ao analisar o preço-alvo?

Por fim, tenha em mente que é necessário tomar determinados cuidados para garantir uma análise mais precisa e informada utilizando o preço-alvo.

A seguir, entenda quais são os pontos a avaliar!

Contexto

É essencial considerar o contexto em que o preço-alvo está sendo fornecido. Verifique a fonte da análise e a credibilidade do analista ou instituição por trás dela. Ademais, observe o histórico e a experiência desses profissionais, bem como possíveis conflitos de interesse que possam afetar suas recomendações.

Metodologias utilizadas

Entenda as metodologias e os critérios usados para calcular o preço-alvo. Isso inclui compreender as premissas, as suposições e os modelos utilizados na análise. Dessa maneira, certifique-se de que as projeções são sólidas e apropriadas para a avaliação da empresa e do setor em questão.

Diversificação

É válido utilizar o preço-alvo como uma das diversas ferramentas e análises disponíveis. Sendo assim, considere outros fatores, como fundamentos da empresa, expectativas de mercado, dados econômicos e questões individuais, como perfil de investidor e objetivos, para tomar suas decisões.

Avaliação do risco

Reconheça que as projeções futuras estão sujeitas a incertezas e que eventos imprevistos podem impactar o desempenho real das ações. Ademais, considere os riscos específicos da empresa, bem como a volatilidade do mercado e do setor em que ela opera.

Análise adicional

Realize análises adicionais e obtenha diferentes perspectivas sobre a empresa e o setor. Isso inclui a revisão de relatórios financeiros, análises de mercado, notícias relevantes e outras fontes confiáveis de informação. Quanto mais dados você reunir, mais embasada será a sua decisão.

Horizonte de investimento

O preço-alvo pode ter diferentes horizontes, como curto, médio ou longo prazo. Desse modo, é essencial alinhar a sua estratégia de investimento pessoal com a projeção do target price para ter uma análise mais aderente aos seus objetivos.

Acompanhamento contínuo

O valor estimado pode mudar ao longo do tempo, à medida que novas informações se tornam disponíveis ou as condições do mercado se alteram. Por esse motivo, é importante se manter atualizado sobre as revisões do preço-alvo para ajustar suas estratégias, se necessário.

Neste artigo, foi possível entender o que é e como é calculado o preço-alvo de uma ação. Você também compreendeu como essa ferramenta pode ser utilizada nas tomadas de decisão. Logo, essa projeção pode ajudar na hora de escolher a melhor estratégia para os seus investimentos.

Precisa de uma boa corretora de valores é crucial para começar a investir? Abra sua conta na Genial Investimentos e conte com o apoio dos nossos profissionais em suas decisões!

Genial Investimentos

Somos uma plataforma de investimentos que tem como objetivo facilitar o acesso ao mercado financeiro e ampliar a educação financeira no Brasil.

Ver todos os artigos
Campanha Institucional - Ativação - Abra sua conta

Navegação rápida

O link do artigo foi copiado!