Sumário

Uma empresa de capital fechado é aquela cuja participação no negócio é limitada e depende de um acordo de sociedade. Já uma empresa de capital aberto permite que investidores se tornem sócios a partir da compra de Ações.

Mas você sabe como é possível abrir o capital de uma empresa?

A resposta vem na forma de três letras: IPO. A oferta pública depende do cumprimento de regras, mas pode gerar benefícios para a empresa – e oportunidades para os investidores.

Neste e-book, nós da Genial Investimentos trazemos todas as informações sobre o processo, como ele funciona e, principalmente, como você pode participar e se beneficiar dele.

Confira as próximas páginas e entenda tudo o que é relevante sobre a Oferta Pública Inicial!

Introdução

O que é IPO?

Como funciona a Oferta Pública Inicial de Ações?

Por que as empresas abrem seu capital?

Quais são os outros tipos de oferta pública?

Quais as vantagens de participar de um IPO?

01020304

Introdução  

A bolsa de valores pode ser um ambiente atraente de negociações tanto para o investidor (pessoa física ou jurídica) quanto para as empresas que negociam seus ativos. Para que a venda de Ações seja possível, entretanto, é necessário que ocorra a chamada Oferta Pública Inicial ou IPO.

Esse é um processo composto por diversas etapas que envolvem as companhias que desejam abrir seu capital e os investidores que têm interesse em aproveitar a oportunidade. Por falar em explorar tal possibilidade, é essencial ter o máximo de conhecimento, pois isso melhora as decisões de investimentos.

Sabendo dessas questões, nós, da Genial Investimentos, preparamos um guia com tudo o que você tem que saber sobre o tema. Confira!

voltar para o sumário

O que é IPO?

Previdência
P
rivada

Como declarar o

Imposto
de Renda 2019

Sigla para Initial Public Offer, o IPO é a Oferta Pública Inicial realizada por uma companhia que estreia no mercado de Ações. O processo corresponde à primeira negociação de Ações da empresa na bolsa de valores.

Portanto, essa é a primeira oportunidade que os investidores têm de se tornar acionistas do negócio em questão, que está se tornando uma companhia de capital aberto. Após tal fase, a empresa se torna uma sociedade anônima e cada investidor se torna um sócio acionista, possuindo ações listadas e negociadas na bolsa de valores.

Como funciona a Oferta Pública Inicial de Ações?

voltar para o sumário

Contrato de Índice Futuro

Apesar de a oferta parecer algo simples, a realização de IPO envolve diversos passos que devem ser seguidos pela empresa. Afinal, a abertura de capital depende do cumprimento de diversas regras e da autorização da Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Inicialmente, deve ser elaborado um prospecto. Esse documento é bastante extenso, e serve para apresentar todas as informações consolidadas do negócio, como seus balanços e seus demonstrativos. O prospecto também demonstra quais são os planos do negócio e, até mesmo, como ele pretende utilizar os recursos obtidos no IPO.

O registro de companhia aberta na CVM exige, além do prospecto, uma documentação completa. É exigido, por exemplo, que um auditor externo e registrado na CVM verifique três anos de balanço patrimonial.

A comissão realiza uma análise com todas as informações e decide se o IPO pode ou não seguir. Simultaneamente, é necessário realizar o registro da empresa na B3, que é a bolsa de valores brasileira.

Caso tudo seja devidamente autorizado, é o momento de preparar a estratégia da oferta e suas características. Deve-se estabelecer quantas Ações serão disponibilizadas no mercado e qual será o valor  correspondente. Há uma faixa de referência, com um preço mínimo e um preço máximo, que pode determinar o preço da Ação em sua estreia.

Também é obrigatório realizar uma divulgação ampla em veículos de grande circulação sobre o IPO. No período de reserva, os investidores selecionarão quantas Ações ou valor total financeiro desejam adquirir. Se um valor mínimo de reserva não for atingido, a empresa pode decidir por cancelar o IPO.

Com todos os passos aprovados, a empresa estreia, oficialmente, na bolsa. A partir desse momento, outros investidores, além dos que reservaram as Ações no período de oferta, podem negociar os papéis.

Após a estreia, a cotação dos papéis da empresa passa a variar segundo condições do mercado e conforme o equilíbrio entre oferta e demanda.

voltar para o sumário

Por que as empresas abrem seu capital?

Na maior parte das vezes, uma empresa realiza o IPO em busca de recursos para financiar projetos e atividades. Com a venda de Ações no mercado primário, o negócio obtém capital para fazer melhorias, investir em expansão ou mesmo quitar dívidas.

Na prática, é uma fonte de recursos mais barata que os financiamentos tradicionais, por exemplo. Além disso, uma empresa pode realizar o processo para oferecer mais liquidez aos sócios, para aumentar sua exposição ou se consolidar no mercado, ampliando as atividades.

Passo a passo para declarar as contribuições feitas no plano VGBL:

voltar para o sumário

Quais são outros tipos de oferta pública?

Como você viu, a Oferta Pública Inicial corresponde à primeira vez em que determinados ativos são negociados na bolsa de valores. No entanto, esse não é o único tipo existente no mercado de investimentos.

Para que você não se confunda, separamos as outras classificações e como elas funcionam!

Declaração de resgates ou rendas de PGBL e VGBL

eBook

voltar para o sumário
Facebook Genial Investimentos
Twitter Genial Investimentos
Instagram Genial Investimentos
YouTube Genial Investimentos
LinkedIn Genial Investimentos

Siga a gente nas redes sociais!

Facebook Genial Investimentos

Baixe o nosso aplicativo

Fale com a gente

CENTRAL DE ATENDIMENTO
Logo Genial Investimentos
Autorregulamentação ANBIMA
Certificação B3

Acesse o disclaimer.
GENIAL INVESTIMENTOS CORRETORA DE VALORES MOBILIÁRIOS S.A.
CNPJ: 27.652.684/0001-62
www.genialinvestimentos.com.br

2020 Genial

Acesse o disclaimer.
GENIAL INVESTIMENTOS CORRETORA DE VALORES MOBILIÁRIOS S.A.
CNPJ: 27.652.684/0001-62
www.genialinvestimentos.com.br

2020 Genial

ABRA SUA CONTA
Logotipo Genial Investimentos

Investir é inteligente.
Lucrar é Genial.

Capítulo 1

Capítulo 2

Capítulo 3

Capítulo 4

Capítulo 5

Capítulo 10

07

Como foi o mercado de IPO em 2020?

08

Quais as expectativas  para 2021?

10

FAQ: Quais as principais dúvidas sobre IPO?

11

Conclusão

09

Como participar de um IPO?

Quais as vantagens de participar de um IPO?

Contrato de Índice Futuro

Por causa das características do processo, ser um dos investidores participantes de um IPO pode trazer diversas vantagens. Mas, claro, desde que o investimento seja adequado para o seu perfil e para os seus objetivos.

Entre os pontos positivos, um dos destaques é a antecipação. Por causa do período de reserva, você pode se comprometer a adquirir Ações antes mesmo que elas estejam disponíveis.

Em muitas ofertas, o preço nesse período é menor do que será observado no primeiro pregão e ao longo das semanas. Logo, além de aproveitar uma eventual valorização, você pode se tornar acionista da empresa de maneira mais acessível.

Outro ponto positivo é que, em geral, a realização de IPO indica algum nível de maturidade e de consolidação da empresa. Afinal, o prospecto deverá ser capaz de convencer os investidores.

Além disso, são realizadas mudanças estruturais positivas, como a respeito da transparência na divulgação de dados e da governança corporativa. Então, pode ser que você esteja diante de alternativas mais atraentes e potencialmente vantajosas.

Até mesmo especuladores ou traders podem se beneficiar do processo. É possível reservar Ações por um preço menor e, depois, vendê-las no primeiro dia de negociação — caso a oferta e a modalidade aderida permitam a execução da estratégia. Assim, a operação poderia gerar lucros em curto prazo.

voltar para o sumário

Capítulo 6

voltar para o sumário

Como foi o mercado de IPO em  2020?

O ano de 2020 foi considerado especialmente positivo para a bolsa de valores brasileira, em termos de IPO. Na prática, o número de aberturas de capital de empresas foi o maior em 13 anos.

Algumas questões justificam o cenário, como a queda dos juros ao menor valor da história da taxa Selic. Outro ponto que estimulou as empresas nesse sentido foi o aumento do número de investidores. Em 2020, a B3 chegou a um total de 3,2 milhões de investidores pessoa física na bolsa.

A pandemia, que motivou a derrubada dos juros pelo Banco Central, impulsionou negócios de diversos segmentos, que obtiveram resultados satisfatórios — e os investidores passaram a ter novas alternativas para investir. Setores como empresas digitais e do segmento de saúde passaram a ser objeto da atenção do mercado.

Os clientes da Genial Investimentos tiveram acesso a todas essas ofertas por meio da nossa plataforma de investimentos. Venha com a gente e acompanhe os IPOs que foram destaques no último ano no mercado brasileiro.

Declaração de resgates ou rendas de PGBL e VGBL

Capítulo 7

voltar para o sumário

Capítulo 8

Quais as expectativas para 2021?

Além das ofertas bem sucedidas em 2020, outras 29 permaneciam em análise até a metade de dezembro de 2020. Considerando que as empresas mantenham o interesse na abertura de capital, há boas perspectivas para 2021. Além dos pedidos existentes, outras empresas têm demonstrado interesse na bolsa de valores. 

Assim, estima-se que os investidores podem se preparar para novas oportunidades no investimento em Ações neste ano.

Para você já começar a pensar nas possibilidades, apresentamos algumas empresas com pedidos pendentes e que podem terminar 2021 com o capital aberto.

Confira a seguir as expectativas de IPOs para 2021!

Se você decidir que quer aproveitar as ofertas públicas, é preciso, em primeiro lugar, abrir conta em uma corretora. É por meio da instituição que você poderá reservar as Ações e, depois, negociar os ativos.

Aqui na Genial Investimentos, além da estrutura, você tem todo o suporte para participar de IPOs e follow-on na bolsa brasileira. Com a conta criada, é o momento de procurar oportunidades e de avaliá-las. O prospecto é um dos documentos mais importantes e recomenda-se sua análise completa.

Não se esqueça de avaliar as informações financeiras e de mercado, para entender qual é o potencial da empresa. Lembre-se de que não há uma variação anterior da cotação para que você possa se basear, então a decisão deve ser ainda mais criteriosa.

Após decidir em qual empresa investir, basta acessar o site da corretora e fazer o seu pedido do montante desejável, definindo o preço máximo de negociação aceitável e o quanto pretende aportar em valor financeiro.

A construção do preço acontece no bookbuilding (a empresa informa a data relacionada a esse evento) e sua reserva será mantida se o seu valor apresentado for igual ou maior que o preço estabelecido pela empresa.

Além disso, você pode terminar investindo em uma quantidade menor de Ações, caso a demanda seja maior que o volume de ofertas disponível. Neste caso, há um rateio entre os interessados.

Para concluir a reserva, é preciso apresentar uma margem de garantia, como elemento de segurança para a aquisição. Depois que a fase de reserva acabar, você se tornará acionista do negócio e poderá negociar seus ativos – ou mesmo comprar mais Ações, caso deseje.

Como participar de um IPO?

Capítulo 9

voltar para o sumário

Além do que você já aprendeu sobre IPO neste e-book, é importante ficar atento às questões mais comuns que surgem sobre o processo. Afinal, aumentar seu nível de conhecimento é fundamental para tomar uma decisão assertiva e, assim, ter mais chances de conquistar bons resultados.

Pensando nisso, separamos algumas perguntas principais quanto ao tema para que você entenda tudo sobre IPO. Veja!


Somente grandes empresas podem fazer IPO?

Uma dúvida muito frequente sobre esse processo diz respeito ao tamanho das empresas. Afinal, ainda há a crença de que só grandes negócios podem abrir capital na bolsa.

No entanto, não é necessariamente verdade. Desde que a empresa possa investir na preparação e nos processos burocráticos e se encaixe nas exigências pré estabelecidas pelos órgãos reguladores, o IPO poderá ser realizado — até mesmo com captações de menor valor.


Apenas ações têm IPO?

Citamos bastante a negociação de Ações na bolsa como resultado de um IPO. Porém, essa não é a única alternativa. Os Fundos de Investimentos Imobiliários (FIIs) têm cotas negociadas na bolsa de valores via home broker, por exemplo.

Sendo assim, também passam por IPO. Quando um fundo do tipo passa por essa oferta, passa a aceitar novos cotistas, dentro do limite de cotas que foram emitidas para o FII.


O que significa lock-up e flipagem de ações?

O lock-up de Ações nada mais é que um mecanismo de trava, que serve como proteção nos primeiros pregões de uma empresa na bolsa de valores, onde o investidor não poderá se desfazer do ativo até uma data pré-determinada. A estratégia consiste em evitar a especulação logo após a abertura de capital, o que ajuda a diminuir a volatilidade dos ativos.

Diante do lock-up, os investidores ficam impedidos de realizar a chamada flipagem de Ações. A flipagem, por sua vez, é uma estratégia de curtíssimo prazo e ocorre quando um investidor reserva Ações e, logo após o pregão inaugural, já realiza a venda.

Se muitos investidores fizerem, é possível que haja uma grande variação nos preços pelo aumento da oferta, o que pode prejudicar a oferta pública. Então, alguns IPOs são realizados com a trava, que tem um tempo variável e definido pelo negócio.

FAQ: Tire suas principais dúvidas sobre IPO

voltar para o sumário0605

Sobre a Genial Investimentos  

12
Luciano Faustino

CMO da Genial Investimentos

Luciano Faustino

CMO da Genial Investimentos

O IPO marca a entrada de uma empresa de capital fechado na bolsa de valores. O resultado é uma empresa de capital aberto, com Ações negociadas ao longo dos pregões e a possibilidade de o investidor se tornar acionista. Lembre-se, ainda, de que FIIs também passam pelo processo.

Conhecendo suas características principais e sabendo como participar da etapa, você tem a chance de aproveitar as oportunidades a favor dos resultados do seu portfólio. Para ter toda a estrutura e todo o apoio para participar de IPOs, conte conosco da Genial Investimentos!

Entre em contato conosco e descubra como podemos ajudá-lo!

Conclusão

voltar para o sumário

Capítulo 12

Somos uma plataforma de investimentos que tem como objetivo facilitar o acesso ao mercado financeiro e ampliar a educação financeira no Brasil.
Descomplicamos o mercado financeiro para você tomar boas decisões na hora de investir. Acreditamos que investir pode ser fácil e rápido. Somos 100% digitais, mas sempre humanos.
Aqui, na Genial Investimentos, nosso principal investimento é sempre você!

Abra sua conta conosco!

Sobre a Genial Investimentos

voltar para o sumário

Como o pagamento de dividendos 

funciona?    

de

Viver

TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE

IPO

Capítulo 11

Oferta Pública Primária

A Oferta Pública Primária acontece quando novas Ações são emitidas e lançadas no mercado. Então os recursos captados seguem diretamente para o caixa da empresa. Sendo assim, há um aumento no total de sócios.

Convém entender que todo IPO é uma Oferta Pública Primária, mas nem toda oferta primária é um IPO. Se a empresa precisar captar mais recursos, por exemplo, ela pode emitir novas Ações e lançá-las no mercado depois de já ter feito sua primeira emissão de papéis.


Oferta Pública Secundária

Já a Oferta Pública Secundária acontece quando são negociadas Ações que já existiam.

É o que ocorre quando um sócio de uma companhia decide vender a sua participação ou parte dela, por exemplo. As Ações já foram emitidas e, mediante negociação, passarão para outro investidor. Nesse caso, a empresa não recebe os recursos, que seguem para quem era o dono dos ativos.


Oferta Pública de Aquisição

Por fim, a Oferta Pública de Aquisição (OPA) é o oposto do IPO. Ela corresponde ao fechamento do capital de uma empresa que, atualmente, conta com negociação de ativos na bolsa de valores.

O processo também deve ser autorizado pela CVM e se baseia na aquisição das Ações de volta, por parte da companhia.

Rede D'Or

A Rede D'Or São Luiz é uma das principais redes de hospitais privados do país. Conta com unidades em São Paulo, Rio de Janeiro e em outras cidades relevantes. A sua Oferta Pública inicial aconteceu em novembro de 2020 e as Ações RDOR3 captaram mais de R$ 11 bilhões.
Os resultados colocaram a rede como detentora do terceiro maior IPO da história da B3 até 2020. Ao total, o valor de mercado da empresa foi de R$ 112,5 bilhões, com uma precificação inicial dos papéis de R$ 57,92 — levemente acima do teto sugerido. 


Estapar

A Estapar é uma rede de estacionamentos, controlada pela All Park, e que está no mercado há cerca de 40 anos. A abertura de capital rendeu uma captação de R$ 345 milhões e ocorreu ainda em maio de 2020. As Ações ALPK3 foram precificadas em R$ 10,50.


Quero-Quero

A Quero-Quero é uma rede de lojas de materiais de construção e foi a nona empresa a fazer seu IPO na B3 em 2020, o qual foi concluído em agosto. Em relação ao valor obtido, a Quero-Quero obteve o total de R$ 1,94 bilhão. A Ação LJQQ3 começou a ser negociada em R$ 12,65, uma escolha intermediária de preço.


Locaweb

A Locaweb é uma empresa de tecnologia e que oferece serviços de hospedagem, domínios e outras ferramentas de construção de site. Sendo uma das referências no segmento no mercado Brasileiro, fez seu IPO em fevereiro de 2020, pouco antes do início da quarentena.

Ao total, a oferta pública movimentou R$ 1,2 bilhão, com mais de R$ 535 milhões seguindo para o caixa da empresa. Sobre a precificação, o valor definido para a Ação LWSA3 foi de R$ 17,25, localizado no topo da faixa indicativa. Desde o seu IPO, a empresa já realizou um desdobramento de suas ações de 1 para 4.


Boa Vista

A empresa Boa Vista Serviços é focada no setor de crédito e consultas de banco de dados por empresas e consumidores.

A conclusão do IPO aconteceu em setembro de 2020 e, ao total, a oferta movimentou R$ 2,17 bilhões. A precificação das Ações BOAS3 aconteceu dentro da faixa de referência e alcançou o valor de R$ 12,20.


Grupo Mateus

O Grupo Mateus atua no atacado e no varejo, com forte presença no Nordeste brasileiro. O grupo está entre os maiores varejistas e está presente no mercado há mais de 30 anos. Durante a oferta pública, a empresa captou R$ 4,6 bilhões.

O resultado consolidou o processo como o maior da B3 durante o ano de 2020. Quanto ao volume de Ações ofertadas, a demanda foi 500% maior. As Ações GMAT3 foram inicialmente negociadas a R$ 8,97, dentro da faixa recomendada para precificação.


Track & Field

A Track e Field é uma empresa de moda esportiva que se destaca pelo uso de tecnologias diferenciadas na fabricação das peças.

Ao total, a oferta pública movimentou um valor de R$ 522 milhões

O valor da Ação TFCO4 ficou em R$ 9,25.


Meliuz

A Meliuz é uma empresa que surgiu como startup, focada na oferta de cashback para compras em sites parceiros e cadastrados. Também disponibiliza cupons sazonais para os clientes em busca de ofertas.

Considerada uma startup digital, a Meliuz realizou seu IPO em novembro de 2020. No processo, foram levantados mais de R$ 661 milhões. O preço da ação CASH3 ficou fixado em R$ 10,00.


Enjoei


A Enjoei é uma plataforma de vendas para quem deseja se desfazer de itens usados. Investindo no e-commerce desde 2009, o negócio se consolidou no nicho. 

O IPO da Enjoei também aconteceu em novembro e obteve o total de R$ 1,13 bilhão. A Ação ENJU3 foi negociada a um preço de R$ 10,25, no piso da faixa prevista para o ativo.


OceanPact Serviços Marítimos

A OceanPact é uma das principais prestadoras de serviços em ambiente marinho do Brasil, oferecendo serviços para estudo, proteção, monitoramento e uso sustentável do mar, do litoral e dos recursos marinhos, principalmente no setor de óleo e gás, e também em diversos outros setores da economia, como portuário, navegação, mineração, energia e telecomunicações.

A operação pode movimentar R$1,1 bilhão.


Orizon Valorização de Resíduos

É uma empresa que inicia sua atuação exclusivamente na fase final da cadeia de tratamento de resíduos e na prestação de serviços ambientais de alto valor agregado para clientes públicos e privados no Brasil.

Em 2020, foi uma das companhias que mais gerou créditos de carbono certificados no país, de acordo com dados da ONU e, com isso, acreditam que podem contribuir para o desenvolvimento sustentável das cidades brasileiras através da geração de energia limpa, desenvolvimento da economia circular, proteção do meio ambiente e da saúde da população, e têm a intenção de captar quase R$500 milhões.


Eletromídia S.A.

Uma das maiores companhias de mídia out-of-home (“OOH”, ou “fora de casa” em tradução livre) no Brasil em termos de faturamento e número de telas. 

Atualmente, a Companhia impacta diariamente milhões de pessoas nos mais diversos momentos de suas jornadas – em 30 de setembro de 2020, aproximadamente 22 milhões por dia em 18 estados brasileiros, uma audiência que representa cerca de 10% da população brasileira.

A expectativa é de que a oferta movimente em torno de R$868,2 milhões.


CSN Mineração

A Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) é a primeira empresa nacional do segmento e já marca presença na bolsa de valores.
Porém, a companhia também tem expandido sua atuação e, em 2015, realizou uma fusão com a Namisa. 

Então, passou a existir a CSN Mineração — e foi essa a companhia que solicitou análise para IPO em outubro de 2020. 

A expectativa é obter até R$ 5,3 bilhões. 

TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE